Domingo, 22 de julho de 2018
Dólar R$ 3,77
Euro R$ 4,41
Tecnologística no LinkedIn
Dicionário de Engenharia
LABNAL LABORATÓRIO FUNCIONAL
Organização que simula a utilização do produto pelo usuário, e identifica quantitativa e qualitativamente este desempenho, representando o usuário dentro da empresa.
LABNAL LABORATÓRIO FUNCIONAL
Organização que simula a utilização do produto pelo usuário, e identifica quantitativa e qualitativamente este desempenho, representando o usuário dentro da empresa.
LAN – LOCAL AREA NETWORK
Integração adequada do cabeamento, interfaces, protocolos de comunicação e dispositivos para funcionar como rede de comunicação de dados.
LAN – LOCAL AREA NETWORK
Integração adequada do cabeamento, interfaces, protocolos de comunicação e dispositivos para funcionar como rede de comunicação de dados.
LANCE
Preço oferecido em pregão para a compra ou venda de um lote de títulos, pelos representantes das sociedades corretoras.
LANCE
Preço oferecido em pregão para a compra ou venda de um lote de títulos, pelos representantes das sociedades corretoras.
LANÇADOR
No mercado de opções, aquele que vende uma opção, assumindo a obrigação de se o titular exercer, vender ou comprar o lote de ações objeto a que se refere.
LANÇADOR
No mercado de opções, aquele que vende uma opção, assumindo a obrigação de se o titular exercer, vender ou comprar o lote de ações objeto a que se refere.
LANÇAMENTO DE OPÇÕES
Operação de venda que dá origem às opções de compra ou de venda.
LANÇAMENTO DE OPÇÕES
Operação de venda que dá origem às opções de compra ou de venda.
LAPPING
Sobreposição
LAPPING
Sobreposição
LASER
Light by Stimulated Emission of Radiation – Amplificação de luz pela emissão estimulada de radiação.
LASER
Light by Stimulated Emission of Radiation – Amplificação de luz pela emissão estimulada de radiação.
LATA
Recipiente metálico hermético para isolar produtos perecíveis, do meio ambiente.
LATA
Recipiente metálico hermético para isolar produtos perecíveis, do meio ambiente.
LAUDO Jurídico
É o resultado da perícia expresso em conclusões escritas e fundamentadas, onde serão apontados os fatos, circunstancias, princípios e parecer sobre a matéria submetida a exame do especialista, adotando-se respostas objetivas aos quesitos.
LAUDO Jurídico
É o resultado da perícia expresso em conclusões escritas e fundamentadas, onde serão apontados os fatos, circunstancias, princípios e parecer sobre a matéria submetida a exame do especialista, adotando-se respostas objetivas aos quesitos.
LAUNCH MILESTONE
Marco de Lançamento – Refere-se à produção inicial com volume de produção, de sub-montagem e de montagem. Os produtos que forem fabricados já são comerciais e poderão ser vendidos e devem atender os requisitos do mercado e aos objetivos corporativos. O fornecimento de componentes, as facilidades de produção e montagem, devem estar completas e prontas para a produção em pleno volume projetado.
LAUNCH MILESTONE
Marco de Lançamento – Refere-se à produção inicial com volume de produção, de sub-montagem e de montagem. Os produtos que forem fabricados já são comerciais e poderão ser vendidos e devem atender os requisitos do mercado e aos objetivos corporativos. O fornecimento de componentes, as facilidades de produção e montagem, devem estar completas e prontas para a produção em pleno volume projetado.
LAYDAY
Tempo de permanência do navio no porto.
LCC
Life Circle Cost
LCL
Less Than Container Load
LEAD LOGISTIC PROVIDERS
São Empresa provedoras de serviços logísticos, capazes de planejar e otimizar o abastecimento de material, a distribuição de produtos acabados, e o armazenamento nas duas etapas da cadeia de abastecimento.
LEAD TIME
É o tempo necessário para o produto completar toda a transformação (da matéria prima ao produto acabado, através das diferentes fases). É utilizado para medir a eficiência do processo produtivo.
LEAD TIME
Tempo decorrido entre a constatação de uma necessidade da emissão de uma ordem e o recebimento dos produtos necessitados e que compreende tempos como: tempo de preparação, tempo de fila, tempo de processamento, tempo de movimentação e transporte e tempo de recebimento e inspeção.
LEAN PRODUCTION
Filosofia de produção que enfatiza a minimização do montante de todos os recursos, incluindo tempo, utilizado nas várias atividades da empresa, eliminando-se as atividades que não geram valor no desenvolvimento, produção, cadeia de abastecimento e serviço ao cliente.
LEAN PRODUCTION
Sistema produtivo que utiliza técnicas TPM, redução do material em processamento, envolvimento dos empregados, relações de parceria com os fornecedores, projetos de produto e de processo integrados, relacionamento próximo com os clientes. É o sistema produtivo utilizado na Toyota japonesa.
LEAN PRODUTION
Engloba o conjunto de técnicas desenvolvidas nos anos 70 por fabricantes japoneses, como a Toyota e a Matsushita, para reduzir os custos de produção e aumentar a competitividade. Foi popularizado através do estudo sobre a indústria automóvel do MIT, designado "The Machine that Change the World", que investigou as causas associadas à superioridade dos nipônicos nos domínios da produtividade, flexibilidade, rapidez e qualidade. O conceito de lean prodution é baseado em quatro princípios: trabalho de equipe; comunicação; uso eficiente de recursos e eliminação de desperdícios; e melhoria contínua (a que os japoneses chamam kaisen).
LEARNING ORGANIZATION
Criado por Chris Argyris, professor em Harvard, designa por learning organizations (organização em constante aprendizagem) as empresas que aprendem à medida que os seus trabalhadores vão ganhando novos conhecimentos. O conceito é baseado na idéia de Argyris, chamada double-loop learning (quando os erros são corrigidos através da alteração das normas empresariais que o causaram). Em 1990, Peter Senge, professor do MIT, popularizou o conceito através do best-seller The Fifth Discipline - The Art and Pratice of a Learning Organization.
LEARNING ORGANIZATION
É aquela capaz de desenvolver capabilidade para aprender, onde as pessoas aprendem a criar sua própria realidade e a mudá-la, integrando como agentes de gestão, as pessoas com o perfil empreendedor.
LED - LIGHT EMITTING DIODE
Dispositivo capaz de transformar pequenas quantidades de energia elétrica em luminosa.
LEIAUTE
Arranjo físico dos recursos ou centros econômico de atividades, como máquinas, grupos de pessoas, estações de trabalho, áreas de armazenamento e ilhas de descanso.
LEIAUTE
Etapa em que se esboça a arte final
LEIAUTE POR PROCESSO
Arranjo seqüencial dos recursos, conforme as necessidades de determinado produto.
LEILÃO ESPECIAL
Sessão de negociação em pregão, em dia e hora determinados pela bolsa de valores em que se realizará a operação.
LETRA DE CÂMBIO
Título de crédito, emitido por sociedades de crédito, financiamento e investimento, utilizado para o financiamento de crédito direto ao consumidor.
LETRA IMOBILIÁRIA
Título emitido por sociedades de crédito imobiliário, destinado à captação de recursos para o financiamento de construtores e adquirentes de imóveis.
LETRAS DO TESOURO
O obrigações do Tesouro de qualidade não questionada e com vencimento de curto prazo, utilizado como instrumento de mercado monetário.
LETTERPRESS (TIPOGRAFIA)
Sistema de impressão direta.
LETTERSET
Sistema de impressão que utiliza o processo offset, dispensando o processo de molhagem.
LEVANTADA NO PRODUTO
Providências cosméticas envolvendo rótulos, cores, adesivos, decoração, embalagem, sem desposicionar o produto no segmento de mercado e com a finalidade de criar condições para elevar as vendas, que se encontram estagnadas ou mesmo em declínio.
LGS
Listas de Grupos e Subgrupos
LIABILITY
Responsabilidades assumidas pela empresa.
LIBOR – LONDON INTERBANK OFFERED RATE
Taxa de juros pela qual os bancos principais oferecem moedas estrangeiras o outros bancos principais em Londres.
LICENÇA DE IMPORTAÇÃO
Documento que prova a legalização da entrada da mercadorias no pais.
LIDE JURÍDICO
Conflito entre os interesses das partes.
LIDER DE PREÇOS
Condição de um mercado oligopolístico em que a empresa líder de preço assume o papel de iniciadora das alterações de preço e os demais participantes no mercado acompanham, cobrando o mesmo preço praticado pela líder de mercado.
LIDERANÇA
Capacidade de criar finalidades, reger seres humanos, atingir metas e compartilhar com todos os benefícios e as conseqüências das realizações, através das informações compiladas, pactuadas e transmitidas por toda a organização.
LIDERANÇA
Existe características básicas para que um indivíduo possa tornar-se um líder, tais como visão, integridade (conhecimentos, autoconfiança e maturidade) e vontade de assumir riscos. Os líderes são, em regra, pessoas muito persistentes, com grande carisma e motivadas pelo seu instinto. Segundo Warren Bennis, "um bom gestor faz as coisas bem, enquanto um bom líder faz as coisas certas". Enquanto para o britânico John Adair as capacidades de liderança podem ser adquiridas através do treino, para o norte-americano John Kotter, elas são inatas, embora todas as pessoas devam ser encorajadas a ser líderes.
LIF
Listas de Identificação de Fornecedores
LIFO – LAST IN, FIRST OUT
Trata-se de um acrônimo referente a um sistema de administrar os estoques, que toma disposições para que o material que entrou em último lugar no estoque seja o primeiro a sair, para se apurar os custos com valores dos insumos mais atualizados, para apuração mais aprimorada do lucro.
LIGAS E MISTURAS
Material contendo duas ou mais substâncias, com propriedades diferentes dos componentes que entram na formula.
LIMITE ABSOLUTO DO ODOR
É a concentração na qual 50% das pessoas expostas detectam o odor ao qual estão submetidos.
LIMITE DA SACIEDADE
É o ponto onde a utilidade marginal é zero, pelo fato desta utilidade marginal ser decrescente com a elevação da quantidade de produtos utilizados pelo usuário.
LIMITE DE PERCEPÇÃO DA POPULAÇÃO 50%
É a concentração na qual 50% das pessoas em condições normais de receber o odor, são, capazes de detectá-lo.
LIMITE DE PERCEPÇÃO INDIVIDUAL
É a menor concentração do dor particular à qual uma pessoa quando fica exposta manifesta positivamente o seu conhecimento, repetindo esta informação, quando exposta uma segunda vez.
LIMITE DO RECONHECIMENTO
Concentração na qual um certo percentual de indivíduos presentes identifica o odor como representativo do material produtor ao qual forma expostos.
LIMPESA
A limpeza é o processo de transferência da sujidade com concentração elevada, para uma outra, com menor índice de concentração de sujeira.
LINEATURA
É o conjunto de linhas com pontos, contidas num centímetro e determina o grau de resolução da imagem. A variação tonal é determinada pelo tamanho dos pontos.
LINEHAULS
Transporte internacional de carga consolidada utilizando equipamento otimizado.
LINHA COMPLETA DE PRODUTOS
Esta linha poderá ser definida como a mais ampla cobertura de produtos relacionados e vendidos com sucesso por um fabricante rival, que obtém bons revendedores e atende os clientes em todas as sua necessidades em relação a um certo campo de atividade. Como exemplo, poderemos ser um fabricante de canos, fabricar também conexões, fornecer todos os registros, fornecer os complementos de uma instalação hidráulica, ou mesmo se encarregar de toda a instalação e fornecer as torneiras vertendo água.
LINHA DE PRODUTOS
Definição estratégica da linha atual dos produtos da empresa, dos produtos a serem desativados futuramente, dos produtos novos a serem introduzidos na linha de produtos, período a período futuros e identificação das tecnologias a serem incorporadas no futuro pela empresa para atender as necessidades de desenvolvimento dos novos produtos.
LINHA DEDICADA
Área de trabalho dedicada a um único item ou um número muito limitado de itens similares, formados por máquinas especiais ou conjunto de máquinas normais compromissadas aos itens selecionados.
LINHAS DE PESQUISA
São os domínios ou núcleos temáticos de interesse sistemático de um programa, caracterizados pelo desenvolvimento de trabalhos com objetos ou métodos de pesquisa.
LINOTIPO
Composição monolinear, formado por magazines, que formam as palavras, que servem de moldes para a fundição em ligas de baixa temperatura de fusão.
LIQUIDEZ
Capacidade de atender sem adiamento a todas as obrigações financeiras.
LIQUIDEZ
Maior ou menor facilidade de se negociar um título, convertendo-o em dinheiro.
LIQUIDO INFLAMÁVEL
São líquidos, misturas de líquidos ou líquidos contendo sólidos em suspensão ou solução que produzem vapores inflamáveis à temperatura de ate 60,5 graus centígrados (em teste de vaso fechado) ou 65,5 C (em teste c vaso aberto).
LISTA DE DESPACHO
Lista detalhada do material despachado, preparada pelo fornecedor e que acompanha sempre a mercadoria.
LISTA DE MATERIAIS
Listagem de todos os pré-montados, semi-acabados, partes, e matérias primas, mostrando as quantidades requeridas para cada item para a fabricação e montagem de um determinado produto.
LISTA DE VERIFICAÇÃO DO PROJETO
Uma lista a prova de erros, para assegura que todos os itens importantes foram considerados no estabelecimento dos requisitos do projeto.
LISTA INICIAL DE MATERIAIS
É uma lista inicial de materiais completada antes da liberação do projeto.
LISTAGEM DE SAÍDA DE PRODUTOS
Confirmação de que o produto seguiu para o cliente
LISTAS DE MATERIAIS
Lista total de todos os componentes e materiais requeridos para a manufatura do produto.
LITÍGIO Jurídico
O mesmo que LIDE.
LIVRE COMERCIO
Acordos entre países abolindo as tarifas entre os participantes do acordo.
LOGÍSTICA
A arte e a ciência para abastecer, produzir e distribuir material e produtos no lugar adequado, nas quantidades corretas e nas datas necessárias.
LOGÍSTICA DE ABASTECIMENTO
Atividade que administra o transporte de materiais dos fornecedores para a empresa, descarregamento no recebimento, e armazenamento das matérias-primas e componentes. Estruturação da modulação de abastecimento, embalamento de materiais, administração do retorno das embalagens e decisões sobre acordos com fornecedores, para mudanças no sistema de abastecimento da empresa.
LOGÍSTICA DE DISTRIBUIÇÃO
Administração do centro de distribuição, localização de unidades de movimentação nos seus endereços, abastecimento da área de separação de pedidos, controle da expedição, transporte de cargas entre fábricas e centros de distribuição e coordenação dos roteiros de transporte urbano.
LOGÍSTICA DE MANUFATURA
Atividade que administra a movimentação para abastecer os postos de conformação e montagem, segundo ordens e cronogramas estabelecidos pela programação da produção. Desova das peças conformadas como semi-acabados e componentes, e armazenamento nos almoxarifados de semi-acabados. Deslocamento dos produtos acabados no final das linhas de montagem, para os armazéns de produtos acabados.
LOGÍSTICA DE MARKETING
Definimos logística de marketing como todas as atividades e seus inter-relacionamentos para atender pedidos de clientes, de maneira que os satisfaça inteiramente.
LOGÍSTICA INDUSTRIAL
Conjunto de atividades que visa racionalizar as atividades industriais pela administração dos fluxos de materiais e produtos.
LOGÍSTICA INTERNACIONAL
Todas as funções e atividades referentes à movimentação de materiais e produtos acabados numa escala global.
LOGOTIPO
É à parte da marca que é reconhecível, mas não é pronunciável, como símbolos, desenhos ou formatos de letras.
LOP
O lucro operacional é um porcentual sobre vendas líquidas, que foi determinado orçamentariamente.
LOSS LEADER PRICING
Fixação de preços de alguns produtos abaixo do custo com a finalidade de atrair clientes no estabelecimento, na expectativa que estes clientes comprem também outros itens.
LOTE
Quantidade de títulos de característica idênticas.
LOTE
Uma quantidade de um item produzida de uma vez e que, portanto apresente o mesmo custo da produção e mesmas especificações.
LOTE ECONÔMICO
Modelo que fixa quantidades de um item para serem compradas ou produzidas, que minimizem os custos combinados de aquisição e fabricação.
LOTE FRACIONÁRIO
Quantidade de ações inferior ao lote-padrão.
LOTE PILOTO
Ordem preliminar para a produção de uma pequena quantidade inicial, com o objetivo de verificação do produto desenvolvido e da eficiência do processo implantado.
LOTE PILOTO
Peças ou produtos fabricados com material temporário ou definitivo, que está sofrendo modificações. O lote piloto tem como objetivo determinar: a viabilidade das características do processo, a verificação, a confiabilidade, o treinamento de pessoal, o delineamento dos experimentos – TAGUCHI, os dispositivos para testes, a montagem, os testes, os pontos críticos, etc.
LOTE REDONDO
Lote Totalizando um número inteiro de lotes-padrão.
LOTE-PADRÃO
Lote de títulos de características idênticas e em quantidade prefixada pelas bolsas de valores.
LTL
Less Than Truckload
LUBRIFICAÇÃO
Untar com substância oleosa a fim de atenuar o atrito.
LUCRATIVIDADE
Ganho líquido total propiciado por um título. Em bolsa, o lucro líquido proporcionado por uma ação, resultante de sua valorização em pregão em determinado período e do recebimento de proventos dividendos, bonificações e/ou direitos de subscrição distribuídos pela empresa emissora, no mesmo intervalo de tempo.
LUCRATIVIDADE
Relação entre os lucros operacionais, calculados no demonstrativo de resultado referente a um certo período operacional e o montante do Patrimônio Líquido dos acionistas da empresa, consignado no passivo do demonstrativo patrimonial.
LUCRATIVIDADE MÉDIA
Média das várias lucratividades alcançadas por um título em diversos períodos.
LUCRO
Excesso de receita sobre os custos e despesas.
LUCRO BRUTO
Lucro auferido pela empresa, pela dedução dos custos dos produtos vendidos, da receita líquida auferida.
LUCRO INCREMENTAL
Este lucro é resultante da diferença entre a receita incremental resultante da venda dos novos produtos, menos o custo incremental que se deve incorrer para que estes produtos sejam realizados na fábrica. No custo incremental incluímos apenas o custo direto do produto (matéria-prima e mão de obra) e os de custos de capital (juros e depreciação) de algum novo equipamento que necessite ser adquirido para a introdução do novo produto.
LUCRO LÍQUIDO
Resultado final alcançado pela empresa após remunerar todos os fatores de produção (máquinas, equipamentos, recursos humanos, etc.) exceto o capital próprio, cuja remuneração é o próprio lucro líquido.
LUCRO LÍQUIDO POR AÇÃO
Ganho por ação obtido durante um determinado período de tempo, calculado por meio da divisão do lucro líquido de uma empresa pelo número existente de ações.
LUCRO OPERACIONAL
Resultado da dedução da receita líquida, do custo dos produtos vendidos, das despesas administrativas, das despesas de vendas e das despesas financeiras operacionais, formada pelas despesas financeiras resultante do financiamento das vendas, que seria calculado pelo valor efetivo das duplicatas, menos o valor presente dos faturamentos efetuados, a taxas de mercado financeiro e as despesas financeiras de manutenção dos estoques, que seria calculado pelos valores médios dos estoques mantidos pela empresa, multiplicados pela taxa média de mercado financeiro.
LUMINÂNCIA
É a intensidade luminosa produzida por uma superfície iluminada e medida por vela por metro quadrado.
LUMINÂNCIA
Padrão de preto e branco
LUMINESCÊNCIA
Luz emitida por um substrato devido a liberação de energia quando os elétrons preenchem orbitais vazios.
LUMINOSIDADE
Capacidade de refletir a luz branca.
LUZ
Faixa do espectro eletromagnético que contém todas as cores visíveis.
LUZ COMPLEMENTAR
Luz resultante, que recebe a adição da luz faltante.
LUZ PRIMÁRIA
Luzes que são luzes detectadas por cada um dos tipos de cones que temos nos olhos.
LUZ RESULTANTE
Luzes formadas por pares de luzes primárias.
LUZIMENTO
É a reflexão da luz nas superfícies polidas. A falta de reflexão direta gera a sensação de fosco pela reflexão dispersa das luzes.
LÚMEN NOVO – UNIDADE DE FLUXO LUMINOSO
O lúmen novo é o fluxo emitido no interior do ângulo sólido unidade (esteradiano) por fonte puntiforme tendo a intensidade luminosa de 1 vela nova.