Terça-feira, 23 de outubro de 2018
Dólar R$ 3,68
Euro R$ 4,23
Tecnologística no LinkedIn
Dicionário de Logística
Por Altamiro Carlos Borges Júnior e Alex Galvão, diretores do ABGroup
Gaiolas
Estruturas de ferro em forma de gaiola, utilizadas para armazenar materiais de risco ou de difícil empilhamento no palete.
Gargalo (Bottleneck)
Instalação, função, departamento ou recurso que impede a produção pois sua capacidade é inferior ou idêntica à demanda. Ocorrem, então, grandes filas na frente deste centro de trabalho. Um recurso é considerado um gargalo quando a exigência sobre ele é maior ou igual à sua demanda máxima.
Gateway
Ponto de troca de mercadorias em transporte. Ponto em que a carga passa para outro transportador ou troca o modo de transporte.
GCI
Global Commerce Iniciative (órgão que reúne empresas do varejo e indústria de todo o mundo para estabelecer normas internacionais de comércio).
GED
Gerenciamento Eletrônico de Documentos.
GEE
Gerenciamento Estratégico de Estoque.
Gerenciamento avançado da cadeia de abastecimento
Estabelecimento e manutenção, de forma sincronizada, de organizações incumbidas de construir e melhorar uma cadeia de valor num ramo de atividade específico.
Gerenciamento da capacidade (Management capacity)
Estabelecimento, medição, monitoramento e ajuste dos limites ou níveis de capacidade para a execução de programas e planos de fabricação, com ênfase em prioridades, realizada em quatro níveis (recursos, capacidade preliminar, necessidade de capacidade e controle de entradas e saídas).
Gerenciamento da demanda (Demand management)
Função de controle e gestão de toda a demanda dos produtos para assegurar que o planejamento mestre seja cumprido. Compreende as atividades de previsão, entrada de pedidos, compromisso de entrega, necessidade dos armazéns, pedidos entre plantas e necessidades de reposição.
Gerenciamento da logística (Logistic management)
Planejamento, implementação e controle do fluxo de matérias-primas,estoque de semiacabados, acabados e do fluxo e de seu respectivo fluxo de informações, da origem ao consumo.
Gerenciamento de categorias (Category management)
A administração de categorias de produtos como unidades estratégicas, unidades de negócio.
Gerenciamento de estoque (Inventory management)
Garantia da disponibilidade de produtos por meio da administração de inventário (planejamento, localização e monitoramento de unidades de produtos).
Gerenciamento de estoque agregado (Aggregate inventory management)
Níveis globais de estoques desejados, com controles para garantia do cumprimento de metas por meio de decisões individuais de abastecimento.
Gerenciamento de evento colaborativo (Collaborative event management - CEM)
Softwares especializados para planejamento e controle de atividades, que possibilitam a integração de consórcios e prestadores de serviços.
Gerenciamento de pedido (Order management system - OMS)
Sistema informatizado de administração do processo de captação e execução dos pedidos dos clientes - integrado com sistemas CRM (Front Office) e ERP (Back Office).
Gerenciamento de processos (Process management)
Envolve padronização, melhoria e redesenho de processos para atender necessidades e expectativas de clientes.
Gerenciamento de projeto (Project management)
Conhecimento, habilidades, ferramentas e técnicas aplicadas ao projeto, de forma a atingir e até mesmo exceder as expectativas.
Gerenciamento do comércio empresarial (Enterprise commerce management)
Processo que auxilia na identificação, avaliação e mapeamento das aplicações, processos e tecnologias críticas para suporte dos colaboradores, clientes e fornecedores.
Gerenciamento do conhecimento (Knowledge management)
Refere-se aos esforços para a gestão do conhecimento dentro da organização. Tais esforços são frequentemente centrados na Tecnologia da Informação. Deve haver uma disseminação do conhecimento como uma novidade, mas o conceito tem um valor na cadeia de abastecimento através de múltiplos empreendimentos.
Gerenciamento do desenvolvimento do produto (Product development management)
Sistema que responde pela administração da especificação, da concepção, do design, do detalhamento, da programação, da produção e do lançamento de novos produtos.
Gerenciamento do fornecedor (Supplier management)
Atividade com efeito sobre os controles dos fornecedores para definição de seu comportamento.
Gerenciamento do processo (Process management)
Administração para identificar, avaliar, redefinir e implementar o fluxo de atividades, com o objetivo de atender as necessidades do cliente.
Gerenciamento do relacionamento com fornecedor (Supplier relationship management)
Soluções para coleta e acompanhamento de dados do fornecedor, com o objetivo de otimizar o processo de suprimento e relacionamento.
Gerenciamento do relacionamento com o cliente (Customer relationship management – CRM)
É a arte de integrar todos os aspectos da tecnologia da informação em benefício de um completo relacionamento com o cliente, desde atividades de marketing e vendas até contas a receber. Esse modelo de negócios centrado no cliente também é identificado pelos nomes marketing de relacionamento, marketing em tempo real, intimidade com o cliente, e uma variedade de outros. Mas a ideia é a mesma: estabelecer relacionamento com os clientes de forma individual e depois usar as informações coletadas para tratar clientes diferentes de maneiras diferentes. O intercâmbio entre um cliente e a empresa torna-se mutuamente benéfico, uma vez que os clientes oferecem informações em retribuição aos serviços personalizados que atendem às suas necessidades individuais.
Gerenciamento do tráfego (Traffic management)
A seleção dos modos de transportes e os específicos carregamentos dentro destes modos.
Gerenciamento por função (Function management)
Administração do agrupamento de cargos por habilidades e necessidades de minimizar riscos.
Gerenciamento total de fabricação (Total manufacturing management – TMM)
Redefinição da produção com base em JIT, controle de processo, melhoria contínua, comprometimento máximo com o sistema de gestão, baseado no custo total.
Gestão à vista (Visual management)
Sistema que apresenta as informações necessárias para o gerenciamento por meio de quadros, painéis, indicativos da atividade, de forma a promover a participação de todos no processo de melhoria.
Gestão da capacidade (Capacity management)
É a função de estabelecer, medir, monitorar e ajustar os limites ou níveis de capacidade com o objetivo de executar os programas de fabricação e decidir sobre os planos de produção, MPS, MRP e lista de prioridades. A gestão da capacidade é executada em quatro níveis: planejamento de recursos, planejamento preliminar da capacidade, planejamento das necessidades de capacidade, além do controle das entradas e saídas.
Gestão de estoque agregado (Aggregate inventory management)
Estabelecer os níveis globais de estoque desejados e implementar controles para assegurar que as decisões individuais de reabastecimento atinjam esta meta.
Gestão de inventário (Inventory management)
O processo que assegura a disponibilidade de produtos através da atividade de administração do inventário, planejamento, posicionamento do estoque e monitoração da idade dos produtos.
Gestão do pulmão (Buffer management)
Uma técnica utilizada para gerenciar a proteção necessária e o processo de materiais dentro de uma fábrica.
Giro de estoque
Demanda anual dividida pelo estoque médio mensal.
Giro de inventário (Inventory turns)
Giro estoque total na cadeia abastecimento (Total supply chain inventory turn) - Total de unidades vendidas por ano dividido pela média das unidades de produtos acabados nas mãos dos fabricantes e distribuidores numa cadeia de abastecimento.
Giros de estoques em uma cadeia de abastecimento total (Total supply chain inventory turns)
Total de unidades vendidas por ano dividido pela média das unidades dos produtos acabados nas mãos dos fabricantes e distribuidores dentro de uma cadeia de fornecimentos, incluindo as prateleiras das lojas.
GIS
Geographical Information System ou Sistema de Informações Geográficas. Informações apoiadas por mapas.
Global Sourcing
Compras realizadas mundialmente para suprir as operações globais da empresa, com vantagens na redução do custo e na melhoria da qualidade.
GPS
Global Positioning System, ou Sistema de Posicionamento Global.
Gráfico de barras ou de Gantt
É um gráfico com todas as atividades sequenciais de uma operação / projeto / produção, onde para cada operação há uma barra com o tamanho de sua duração. Foi desenvolvido por H. L. Gantt em 1917.
Gráfico de Pareto (Pareto Chart)
Gráfico pelo qual o proprietário da embarcação concorda em colocar toda a capacidade da embarcação ou parte dela à disposição do fretador, pelo que é pago um valor de fretamento global.
Gross weight
Peso bruto da carga. Inclui a carga mais a embalagem (ou invólucro).
GSM
Global System for Mobile Communications ou Sistema Global para Comunicações Móveis.