Tito Global Trade abre escritório nos EUA - Portal Tecnologística
Sábado, 18 de agosto de 2018
Dólar R$ 3,91
Euro R$ 4,47
Tecnologística no LinkedIn
Quinta-feira, 29 de setembro de 2005 - 11h11
Tito Global Trade abre escritório nos EUA

A Tito Global Trade Services (TGTS) investiu cerca de US$ 300 mil na primeira fase de implantação de escritórios e serviços logísticos nos EUA. O escritório norte-americano da empresa em Nova Iorque foi aberto em julho deste ano e coordena as operações nas cidades de Los Angeles, Miami, Houston e Baltimore. A empresa é uma prestadora de serviços de comércio exterior e logística, incluindo gestão aduaneira, gestão de transportes, outsourcing e logística.

"Estamos fazendo agora o transporte de produtos do Brasil para os EUA e processando o despacho aduaneiro, além do transporte dentro daquele país por meio de transportadoras parceiras nos EUA", afirma Hermeto Bermúdez, diretor-superintendente da Tito. O foco da empresa será no setor de autopeças, mas a empresa também trabalhará em outras áreas, como ocorre atualmente com o embarque de latas e seus componentes para as indústrias de alimentos e bebidas. A próxima etapa da expansão será a incorporação de serviços de distribuição e armazenagem, com início previsto para 2006.

"Os serviços são dirigidos principalmente para as empresas com intercâmbio comercial entre os EUA e a América Latina e esperamos um faturamento anual de US$ 5 milhões em cinco anos nos Estados Unidos. Podemos nos posicionar como um provedor de serviços logísticos integrados nas Américas, já que estamos instalados na Argentina e no México", afirma Bermúdez.

A empresa projeta um faturamento de US$ 8 milhões este ano, um aumento de 25% em relação ao registrado em 2004. Há dois anos, foram investidos US$ 200 mil para desenvolver soluções logísticas nas operações da América Latina para o México, principalmente para as multinacionais dos setores automotivo, de telecomunicações e eletroeletrônico.

E este ano, a empresa passou a oferecer também serviços de consultoria de comércio exterior, tributária e fiscal. "O objetivo é minimizar a alta carga tributária incidente sobre as operações de comércio internacional. Estes serviços incluem o planejamento tributário, as defesas junto às Delegacias de Julgamento, o pleito de ex-tarifário, a recuperação de tributos e o contencioso administrativo", explica Ângela Sartori, advogada da empresa.

www.tito.com.br

Comentários




Obrigado por comentar!
Erro!