Domingo, 22 de julho de 2018
Dólar R$ 3,77
Euro R$ 4,41
Tecnologística no LinkedIn
Quinta-feira, 12 de julho de 2007 - 12h08
Aracruz confirma intenção de investimento na Região Sul

Expansão da atual fábrica em Guaíba (RS) e construção de quatro terminais estão nos planos da empresa produtora de celulose

A diretoria da Aracruz, empresa brasileira fornecedora de celulose branqueada de eucalipto, reuniu-se na manhã de ontem com a governadora do Rio Grande do Sul, Yeda Crusius, para confirmar o interesse de investir no estado e apresentou a ela os detalhes do projeto de expansão da empresa. A Aracruz pretende construir uma nova linha ao lado da atual fábrica na cidade de Guaíba, aumentando a produção de 430 mil para 1,8 milhão de toneladas anuais de celulose, e otimizar a logística de transportes com investimentos portuários. O valor total do investimento gira em torno de US$ 2 bilhões.

O projeto de otimização da logística de transportes prevê um maior uso das hidrovias para carregamento de matéria-prima e de celulose. Está prevista a construção de três terminais fluviais nas cidades de Guaíba, Rio Pardo e Cachoeira do Sul (este último em um segundo momento) e também de um terminal marítimo no município de São José do Norte. Os portos de Rio Pardo e Cachoeira do Sul fariam o transporte de madeira, enquanto os de Guaíba e São José do Norte carregariam celulose.

O terminal portuário em São José do Norte seria o primeiro do Porto Organizado do Rio Grande localizado na margem direita do canal de acesso e demandaria um investimento de R$ 120 milhões em uma área total de 64 hectares, enquanto o terminal em Guaíba receberia um investimento de R$ 15,2 milhões, com previsão de início das operações para a metade de 2011.

Com a produção maior decorrente da nova linha, a expectativa é de um uso intensivo da hidrovia do rio Jacuí e, para cobrir o aumento da demanda, seriam realizados investimentos na ampliação do sistema hidroviário com a implantação dos terminais fluviais em Rio Pardo e em Cachoeira do Sul. Com a obtenção da licença ambiental e aprovação do conselho da empresa, a construção do terminal em Rio Pardo iniciaria em meados de janeiro de 2008, com um investimento de R$ 21 milhões, e o início da operação ocorreria na metade de 2011.

Previsto para uma segunda fase do projeto de logística, o município de Cachoeira do Sul poderá receber um terminal portuário para transporte de madeira até Guaíba. O investimento também seria de R$ 21 milhões e o início da operação, se cumprido o cronograma, está previsto para a o final de 2015.

Em junho de 2006 foram firmados protocolos de intenção com o Governo do Estado e as prefeituras dos municípios envolvidos, e o projeto conceitual foi aprovado pelos acionistas. A partir daí iniciou-se a expansão da base florestal, ainda em andamento, e a engenharia básica do projeto, visando a aprovação final do investimento pelo conselho administrativo da empresa, que deve ocorrer em dezembro deste ano.    

www.aracruz.com.br

Comentários




Obrigado por comentar!
Erro!