Quarta-feira, 24 de janeiro de 2018
Dólar R$ 3,23
Euro R$ 3,98
Tecnologística no LinkedIn
Quarta-feira, 5 de janeiro de 2011 - 14h16
Portos de Santos e Itajaí terão maior profundidade

Obras de derrocagem e dragagem autorizadas pelo ministro Pedro Brito fazem parte do PAC

O ministro da Secretaria Especial dos Portos (SEP) assinou, na última semana de 2010, a execução de duas importantes obras portuárias. Como parte do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) do Governo Federal, o contrato assinado no dia 28 de dezembro prevê obras de derrocagem no Porto de Santos (SP), e de dragagem no Porto de Itajaí (SC).

Em Santos, a derrocagem de duas pedras permitirá o aprofundamento para 15 metros e o alargamento para 220 metros do canal de navegação do Porto. Segundo Brito, a obra se caracteriza como uma das principais ações da SEP para dotar o sistema portuário brasileiro de uma infraestrutura adequada para responder ao crescimento da economia brasileira. “A derrocagem permitirá a navegação de navios com maior calado e a expansão da capacidade de movimentação do Porto no futuro”, ressalta.

Será derrocado um volume de 33,36 mil metros cúbicos de pedras. Para isso, a Companhia Docas do Estado de São Paulo (Codesp) efetuou a caracterização geológica e geotécnica do canal de acesso, das bacias de evolução e dos berços de atracação e elaborou um novo traçado geométrico do canal. O projeto permitiu definir a metodologia de desmonte das pedras, a estimativa de custos e prazos de execução e forneceu informações a respeito do impacto ambiental da obra.

A dragagem no Porto de Itajaí aumentará a profundidade do canal de acesso e da bacia de evolução de 11 para 14 metros. Cada centímetro a mais de profundidade no canal possibilita um aumento de 60 toneladas na movimentação nominal de cargas por navio. Os três metros que serão aumentados permitirão a cada embarcação ampliar em 18 mil toneladas suas operações no Porto, o que representa cerca de 600 contêineres por navio.

A derrocagem no Porto de Santos será executada pela Ster Engenharia e custará cerca de R$ 25 milhões. Já a obra de dragagem no Porto de Itajaí será realizada pela Jan De Nul do Brasil Dragagem, pelo valor de R$ 54, 9 milhões.

www.portodesantos.com.br

www.portodeitajai.com.br

Comentários




Obrigado por comentar!
Erro!