Quinta-feira, 19 de julho de 2018
Dólar R$ 3,84
Euro R$ 4,47
Tecnologística no LinkedIn
Terça-feira, 4 de setembro de 2012 - 12h37
DHL anuncia plano de crescimento no setor de óleo e energia no Brasil
Com estimativa de crescer 30% nas operações do segmento, companhia pretende triplicar faturamento até 2015

A DHL anunciou ontem, 3 de setembro, em entrevista coletiva realizada em São Paulo, suas intenções de investimentos e projeções para o mercado de óleo e energia. Para acompanhar o crescimento de 350% da indústria brasileira de petróleo e gás nos últimos dez anos, a companhia revela seu interesse em expandir as operações no segmento.

Dentre algumas regiões selecionadas pela empresa para receberem os investimentos no setor, como o Oeste Africano, Oriente Médio e América do Norte, o Brasil foi escolhido para concentrar a maior parte dos esforços da companhia. A DHL deve ingressar, inclusive, no segmento offshore, atividade que a empresa pretende iniciar em território brasileiro.

“O Brasil é um mercado target para nossos negócios. É uma região em constante desenvolvimento. Queremos ampliar a participação nos contratos de logística internacional para equipamentos e máquinas de grande porte para instalação e construção dos estaleiros e, posteriormente, a movimentação de insumos, controle de inventários e armazém”, explica o diretor de projetos Oil & Energy da DHL, Thiago Aracema.

Com a identificação do aumento da demanda por energia, a DHL expressou, também, sua preocupação em atender a esse mercado investindo em fontes alternativas e avanços tecnológicos, sempre com foco no meio ambiente.

Segundo o executivo, até o final deste ano, a DHL estima um crescimento de 30% nos negócios de Oil & Energy. “A cada ano o setor está ganhando um impulso em termos de investimentos de grandes empresas. Isso significa o direcionamento de recursos em novos ativos que, no futuro, impactarão ainda mais no aumento da produção”, afirma o diretor.

Atualmente a DHL oferece serviços de transporte multimodal internacional de equipamentos para a indústria de óleo e gás. Até 2015 a companhia pretende triplicar seu faturamento no segmento, impulsionada pelos investimentos no setor. Em 2010, a DHL faturou aproximadamente 1,2 bilhão de euros somente no setor de óleo e gás. A companhia conta com um total de 500 mil funcionários sendo 300 mil dedicados às operações logísticas.

Comentários




Obrigado por comentar!
Erro!