Segunda-feira, 22 de janeiro de 2018
Dólar R$ 3,20
Euro R$ 3,92
Tecnologística no LinkedIn
Quarta-feira, 7 de novembro de 2012 - 11h31
Itaqui lança pedra fundamental do Tegram
Terminal elevará capacidade de armazenagem de grãos no porto maranhense para 15 milhões de toneladas até 2020

O Porto de Itaqui, localizado na capital do estado do Maranhão, recebeu hoje, dia 7 de novembro, às 10 horas, a cerimônia de lançamento da pedra fundamental do Terminal de Grãos (Tegram).

Participaram do evento executivos da Empresa Maranhense de Administração Portuária (Emap), administradora do porto, governadores do Maranhão, Tocantins, Piauí, Mato Grosso e Bahia, além de autoridades federais da área de infraestrutura, logística e transporte.

O objetivo do novo terminal é estabelecer Itaqui no patamar dos portos brasileiros com as maiores capacidades instaladas para armazenagem e exportação de soja, milho e farelo, fomentando o desenvolvimento das regiões Norte, Nordeste e Centro-Oeste por meio da criação de uma alternativa logística eficiente.

O Tegram elevará a capacidade do Porto de Itaqui dos atuais 2,5 milhões de toneladas de grãos ao ano para até 15 milhões de toneladas até 2020. O número é equivalente a um terço da capacidade instalada para exportações de grãos pelos portos do Norte e Nordeste. Hoje, cerca de 80% da soja exportada pelo Brasil sai pelos portos de Paranaguá e Santos. Quando o terminal estiver operando em sua capacidade plena, cerca de 11,5% da produção de grãos nacional deverá passar por Itaqui, o que posicionará o porto entre os três maiores do país.

O início das operações do novo terminal, orçado em R$ 322 milhões e financiado pela iniciativa privada, está previsto para o final de 2013.

Comentários




Obrigado por comentar!
Erro!