Quinta-feira, 19 de julho de 2018
Dólar R$ 3,84
Euro R$ 4,46
Tecnologística no LinkedIn
Quinta-feira, 14 de novembro de 2013 - 15h16
TLog amplia operações em seu terminal de contêineres
Estrutura destinada a armazenagem de contêineres vazios passa a atuar também com contentores cheios

O Grupo TLog passou a operar, em outubro, com contêineres cheios em seu terminal localizado dentro do complexo situado em Curitiba. O espaço dedicado às operações apresenta capacidade para armazenar até 1.200 TEUs.

O terminal de contêineres da TLog iniciou suas atividades em maio deste ano, operando somente com contêineres vazios. Com capacidade total para 2.600 TEUs, o pátio de contêineres do operador logístico está localizado em uma área anexa ao armazém geral de 10.000 m² da empresa e também apresenta área total de 10.000 m².

TLog-divulgação-interna

O local possui estruturas para vistoria, manutenção, reparos, lavagem e higienização de contêineres. A TLog opera com três reach stackers locados dentro do terminal, mas o diretor da companhia, Pedro Manoel de Souza Junior, revela que, para 2014, estão previstos investimentos na ordem de R$ 2,5 milhões destinados à aquisição de equipamentos.

O projeto, desenhado em conjunto com a área de logística inbound da Electrolux, teve como objetivo proporcionar maior produtividade por meio da disponibilização de contêineres vazios de importação, visando reduzir os prazos de entrega dos contentores aos armadores para operações de exportação, especialmente para cargas que saem dos portos dos estados do Paraná e Santa Catarina.

De acordo com a supervisora de transporte Inbound da Electrolux, Janine Ferro, essa integração no fluxo de contêineres só foi possível devido à adesão de importadores, exportadores, transportadores, armadores e do terminal da TLog. “Chamamos de logística colaborativa. Esta parceria caracteriza-se pelo alto grau de compromisso entre todos os envolvidos, com foco na eliminação de desperdícios e otimização de equipamentos.”

Para o diretor de Operações do Grupo TLog, Luiz Eduardo Mehl, ações como esta reafirmam a missão da empresa de propor soluções que ampliem os níveis de serviço e a competitividade logística. “A criação de operações integradas entre transporte e terminal é um passo importante para disponibilizar eficiência operacional e maior produtividade”, conclui.

Além do complexo curitibano, a TLog possui unidades operacionais em Paranaguá (PR), Itajaí (SC) e São Francisco do Sul (SC), um armazém em Londrina (PR) e a matriz, também localizada em Itajaí. A companhia atua com transporte, armazenagem e distribuição nas regiões Sul e Sudeste do Brasil.

Comentários




Obrigado por comentar!
Erro!