Sábado, 20 de outubro de 2018
Dólar R$ 3,71
Euro R$ 4,28
Tecnologística no LinkedIn
Quarta-feira, 22 de julho de 2015 - 11h35
Libra Logística inicia transporte de contêineres por ferrovia
Empresa atua junto à MRS para realizar o transporte entre as margens do Porto de Santos

A Libra Logística, unidade de negócios do Grupo Libra, passou a transportar contêineres utilizando o modal ferroviário em parceria com a MRS. Em junho, a companhia iniciou o serviço até então inédito entre as duas margens do Porto de Santos (SP), a de Santos e a do Guarujá. Até então, o procedimento era realizado por caminhões.

Geralmente os contêineres desembarcam do navio em um determinado terminal, mas sua carga é desembaraçada em outro. Isso também acontece na mão inversa, quando o contêiner é embalado em um local e levado a outro para ser embarcado no navio. Nesse ponto que o Libra Terminal Valongo (Teval) servirá como um elo entre as partes, realizando a transferência das cargas entre outros terminais portuários.

“Estamos no início da operação, mas já realizamos três viagens, com o transporte de aproximadamente 132 TEUs e com potencial para aumentar esse volume”, diz Daniel Brugioni, diretor geral da Libra Logística. De acordo com o executivo, o serviço via ferrovia torna o processo mais ágil e reduz custos. “Somos um operador logístico e o nosso compromisso é entregar a carga no prazo estipulado. A transferência dos serviços para o modal ferroviário torna-se importante porque atualmente o trânsito entre as duas margens do Porto de Santos têm encontrado dificuldade de fluxo e lentidão. Além disso, a opção pelo trem fica 12% mais barata que o caminhão e é ambientalmente mais sustentável”, diz.

O Teval, que possui 145 mil m², com 115 mil m² de pátio e 6 mil m² de área coberta, está localizado na entrada do Porto de Santos e conta com 800 metros de ramal ferroviário. Atualmente, dos 3 mil contêineres que o Teval opera por mês, 700 são destinados ao Guarujá. A capacidade para transporte ferroviário do terminal entre Santos e Guarujá é mais que o dobro desse volume.

Comentários




Obrigado por comentar!
Erro!