Quinta-feira, 19 de julho de 2018
Dólar R$ 3,84
Euro R$ 4,46
Tecnologística no LinkedIn
Terça-feira, 26 de abril de 2016 - 15h11
Infraero concederá espaços para a implantação de centros logísticos nos aeroportos
Estatal, que administra sua própria rede de tecas, fará licitações para que a iniciativa privada explore as áreas

A Infraero vai oferecer espaços para concessão em mais de 20 aeroportos por todo o país, destinados à construção, gestão e exploração de condomínios logísticos. Os primeiros terminais aéreos contemplados serão os de Uberlândia (MG), Recife e Joinville (SC). A estatal prevê que a iniciativa gere recursos da ordem de R$ 500 milhões em um prazo de 25 anos, período pelo qual valerão as concessões.

O plano faz parte das iniciativas de expansão do portfólio comercial logístico da Infraero, que já conta com a Rede de Terminais de Logística de Carga (Rede Teca). Atualmente, são 24 complexos localizados em todas as regiões do país.

Os terminais alfandegados são administrados pela própria empresa, que movimenta cerca de R$ 40 bilhões em cargas todos os anos e conta com uma carteira de mais de 11.000 clientes. Já no novo modelo, os espaços serão concedidos por meio de licitação para que a iniciativa privada invista em centros logísticos, de forma independente dos tecas. Vence a concorrência a empresa que oferecer o maior valor de aluguel.

Em Uberlândia, serão 100.000 m² concedidos. Em Recife e Joinville serão, respectivamente, 30.000 m² e 70.000 m². Apesar de ter anunciado, neste primeiro momento, concessões de áreas nestes três aeroportos, a Infraero informa que estão previstos mais de 20 espaços por todo o país. O próximo lote de licitações deve abranger os aeroportos de Goiânia, Vitória e Navegantes (SC).

Comentários




Obrigado por comentar!
Erro!