Quinta-feira, 19 de julho de 2018
Dólar R$ 3,84
Euro R$ 4,46
Tecnologística no LinkedIn
Segunda-feira, 18 de julho de 2016 - 13h57
Rumo deve concluir duplicação da ferrovia Campinas-Santos este ano
Capacidade de movimentação pode passar de 2 para 7 milhões de toneladas ao mês

De acordo com a Rumo, as obras de duplicação da ferrovia Campinas-Santos (SP), iniciadas em 2011, entraram na reta final. Com investimentos que somam R$ 730 milhões, o corredor ferroviário terá sua capacidade ampliada já neste ano, informa a concessionária.

RumoOs trechos duplicados vêm sendo liberados para o tráfego gradualmente. Com isso, a capacidade da ferrovia poderá aumentar até 3,5 vezes, passando de 2 milhões para 7 milhões de toneladas ao mês, dependendo de outros investimentos nas estruturas de acesso aos terminais e em novas moegas ferroviárias.

A duplicação resultou na construção de uma segunda via em 204 km dos 264 da ferrovia Campinas-Santos. Quase 20 km cortam regiões de relevo acidentado e continuarão sendo percorridos em linha simples. Os trechos restantes foram duplicados antes das obras executadas nos últimos cinco anos.

A última fase do projeto abrange 38 km distribuídos em dois trechos: de Embu-Guaçu a Evangelista e de Paratinga a Perequê. A execução desta fase começou em abril de 2014, após a emissão da licença do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama). Uma obra de 2,5 km, na região de Cubatão, foi concluída em junho.

“O Brasil vem ampliando continuamente a produção e a exportação de produtos agrícolas”, explica o vice-presidente de Operações das malhas Norte e Paulista da Rumo, Daniel Rockenbach. “Os investimentos que viabilizam essa expansão são decisivos para o desenvolvimento econômico do país”.

A ferrovia Campinas-Santos corta 16 municípios e, para a duplicação, foram construídos um túnel, 35 pontes e nove viadutos para eliminar cruzamentos com ruas, além de passarelas e muros de segurança. A Rumo conta com 12 mil km de malha ferroviária, 966 locomotivas, 28 mil vagões e quase 12 mil funcionários diretos e indiretos.

Comentários




Obrigado por comentar!
Erro!