Quinta-feira, 18 de outubro de 2018
Dólar R$ 3,70
Euro R$ 4,26
Tecnologística no LinkedIn
Segunda-feira, 5 de setembro de 2016 - 14h32
MRS cria nova rota para transporte de ferro gusa
Agora, os produtores do minério podem escoar suas cargas também pelo Porto de Santos através da nova rota Belo Horizonte–Santos

A MRS divulgou uma nova rota para o transporte de cargas por contêineres. Agora, os produtores de ferro gusa podem escoar suas cargas também pelo Porto de Santos através da nova rota Belo Horizonte–Santos, destinada à exportação. Desde julho deste ano, quando foram iniciados os testes do serviço, foram transportados mais de 280 TEUs do produto.

MRS capaSegundo o gerente geral de Negócios para Carga Geral da MRS, Guilherme Alvisi o acompanhamento do mercado foi fundamental para que a solução fosse cogitada e posteriormente estudada. “Avaliando as movimentações do mercado, percebemos que poderíamos transportar ferro gusa também por Santos, uma carga que estava rodando em caminhões e não estava sendo exportada através dos portos do Rio de janeiro, onde a operação já acontecia e será, inclusive, mantida. Nosso objetivo é oferecer cada vez mais soluções, e, neste caso, manter a carga em circulação constante na ferrovia, independentemente da opção escolhida pelos clientes”, diz.

Assim que foi criada a rota, a solução foi oferecida aos atuais clientes da MRS. Os trens são carregados sempre no Terminal de Cargas de Sarzedo (TCS), em Minas Gerais, e seguem para os terminais de Santos. “Geralmente o ciclo completo dura cerca de dez dias e os lotes variam entre 20 e 40 TEUs”, finaliza Alvisi.

Comentários




Obrigado por comentar!
Erro!