Terça-feira, 23 de outubro de 2018
Dólar R$ 3,68
Euro R$ 4,23
Tecnologística no LinkedIn
Quinta-feira, 6 de abril de 2017 - 14h13
Modern recebe certificação da Anac para operar com frota aérea própria
Companhia pretende contar com três aeronaves cargueiras até o final do ano

A Modern Logistics recebeu, na última terça-feira, dia 4 de abril, o Certificado de Operador Aéreo (COA), emitido pela Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), que atesta a capacidade técnica da companhia para operar em rotas aéreas domésticas.

Modern-destaque

Para isso, a Modern passou por um longo e detalhado processo de auditoria. “A aprovação coroa mais de dois anos de trabalho de um time incrível, que não só atendeu a todas as demandas da Anac como, principalmente, soube enfrentar com paciência e profissionalismo todas as exigências das autoridades governamentais envolvidas”, diz Gerald Blake Lee, CEO da companhia.

O próximo passo para que a Modern comece a operar efetivamente no modal aéreo com aeronave própria é a assinatura do contrato de concessão de operador de serviços aéreos regulares, que deve acontecer em até 45 dias, finalizando o processo de outorga.

A companhia já estava operando com serviços e soluções multimodais, mas com a novidade, encontra-se mais próxima de colocar em operação seu ativo mais estratégico e o maior diferencial no mercado: a frota própria de aeronaves cargueiras. Um Boeing 737 convertido já está à disposição e a intenção é contar com três aeronaves até o final de 2017.

“O transporte aéreo de carga doméstico é muito incipiente até agora porque usa apenas os porões das aeronaves de passageiros, muitas vezes não conseguindo garantir a regularidade e nem a cobertura que as empresas precisam”, explica Adalberto Febeliano, vice-presidente da Modern. “Com clientes industriais escolhendo a plataforma integrada da Modern, garantimos volumes que ajudam a criar uma malha aérea com voos regulares nas principais cidades brasileiras”.

A estrutura atual da companhia é composta por centros de distribuição localizados em Jundiaí (SP), Campinas (SP) e Manaus. Com a primeira aeronave, os voos ligarão São Paulo às regiões Norte, Centro-Oeste e Nordeste. A Modern tem planos para contar com 15 CDs distribuídos por todo o país e chegar a 32 aeronaves. O braço rodoviário é realizado por 90 empresas parceiras homologadas.

Comentários




Obrigado por comentar!
Erro!
Claudinei soares Filhoem 07/04/2017, às 08h58
Inovação muito bem vinda
Alexandre Pires de Oliveiraem 06/06/2017, às 23h05
Bem vinda e muito sucesso