Sexta-feira, 23 de junho de 2017
Dólar R$ 3,33
Euro R$ 3,73
Tecnologística no LinkedIn
Terça-feira, 6 de junho de 2017 - 17h42
Modern recebe permissão para operar voos cargueiros comerciais
Anac concede outorga de concessão de empresa aérea regular ao operador logístico

A Modern Logistics assinou, na última semana, o contrato de concessionária de serviços públicos de transporte aéreo regular com a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac). Com isso, o operador logístico está apto a iniciar efetivamente as operações de transporte com voos comerciais utilizando aeronaves próprias.

A assinatura aconteceu cerca de dois meses depois de a empresa receber o Certificado de Operador Aéreo (COA), emitido pela própria Anac, atestando sua capacidade técnica para operar em rotas aéreas domésticas.

“Vamos começar atendendo as demandas de fretamento e, em seguida, abriremos as rotas regulares para atender os grandes contratos da indústria”, explica o CEO da Modern, Gerald Blake Lee. Segundo ele, ser um operador com frota própria de aeronaves consiste em um grande diferencial. “Seremos capazes de oferecer soluções logísticas customizadas, antes impensáveis para vários segmentos da indústria. Iremos para onde nosso cliente precisar”, diz.

O primeiro Boeing 737 próprio convertido em cargueiro já está pronto para voar. No médio prazo, a Modern também vai utilizar aeronaves ATR-72F. A empresa conta ainda com centros de distribuição espalhados estrategicamente pelo país, alinhados às operações de transporte terrestre realizado por empresas parceiras homologadas.

“A Modern Logistics não é uma empresa aérea cargueira. Somos um operador logístico que oferece uma solução completa de serviços e tecnologia, desenvolvidos para a necessidade de cada cliente. A proposta de contar com uma frota própria de aeronaves cargueiras é justamente complementar um serviço que hoje é subutilizado, mas tem enorme potencial devido às dimensões continentais do Brasil”, esclarece Lee.

Comentários




Obrigado por comentar!
Erro!
Nelson Ludovicoem 08/06/2017, às 12h04
Parabéns! Estamos precisando de potencializar a Logística com conceitos mais modernos.