Quarta-feira, 24 de janeiro de 2018
Dólar R$ 3,23
Euro R$ 3,98
Tecnologística no LinkedIn
Segunda-feira, 23 de outubro de 2017 - 9h30
Empilhadeiras a combustão e elétricas, da Baoli
Empresa oferece ampla gama de modelos com diferentes características

A Baoli, marca pertencente ao Grupo Kion, destacou durante a Movimat três modelos de equipamentos de movimentação que a empresa disponibiliza para o mercado nacional: a série F de empilhadeiras de contrapeso à combustão, a contrabalançada KBG20 à combustão e a patolada elétrica ES15-T.

Para operadores sentados, os equipamentos da série F apresentam capacidade de carga entre 2,5 e 3 toneladas e altura máxima de elevação dos garfos de 4,2 metros. O modelo F25G possui comprimento total de 3,6 e largura de 1,1 metro, enquanto a F30G apresenta comprimento de 3,9 e largura de 1,3 metro. Movidas a gás liquefeito de petróleo (GLP) e equipadas com motores GCT/K25, as empilhadeiras possuem, respectivamente, velocidades máximas de deslocamento com carga de 17 e 16 km/h.

A contrabalançada KBG20, por sua vez, é movida a gasolina ou GLP e destinada também a operador sentado. Com capacidade de carga de 2 toneladas, ela apresenta comprimento total de 3,4 metros e largura de 1,1 metro. A elevação do garfo atinge uma altura máxima de 3 metros e a velocidade máxima do equipamento, tanto carregado quanto descarregado, varia de 15,7 a 16,5 km/h. A empilhadeira utiliza motor GCT/K21 e obedece aos padrões de emissão Euro 3A.

Foto: Divulgação

Por fim, a empilhadeira patolada elétrica ES15-T para operador de pé conta com sistema AC com controlador Zapi, que garante melhor desempenho e menor manutenção. O sistema de direção e o timão são eletrônicos, oferecendo mais eficiência e operação suave da alavanca de controle, com interruptor de proteção de parada reversa, proporcionando uma condução mais confortável. A capacidade de carga da ES15-T é de 1,5 tonelada, o comprimento total é de 2,3 metros e a largura de 85 centímetros.

A retirada da bateria é realizada pela lateral do equipamento, tornando o trabalho mais conveniente, o mastro com grade protetora permite uma visão ampla e possui cilindro de elevação dupla para uma operação mais estável.

A empilhadeira conta com braços protetores e plataforma escamoteável que conferem mais segurança e economia. Além disso, quando desce da plataforma, a máquina reduz a velocidade de translação para 4,5 km/h automaticamente, facilitando o trabalho, pois o operador estará se deslocando na velocidade normal de um homem andando.

Comentários




Obrigado por comentar!
Erro!