Sábado, 21 de abril de 2018
Dólar R$ 3,41
Euro R$ 4,19
Tecnologística no LinkedIn
Quinta-feira, 14 de dezembro de 2017 - 14h46
Librelato reativa unidade fabril
Planta produtiva localizada em Içara vai focar em implementos para os setores canavieiro e florestal

A Librelato Implementos Rodoviários está reabrindo, neste mês de dezembro, sua segunda fábrica localizada em Içara (SC), conhecida como Içara II. A planta vai focar na produção de equipamentos para os setores canavieiro e florestal e sua reabertura demandou investimentos de cerca de R$ 450 mil.

A projeção da Librelato é produzir no local, que possui capacidade para fabricar cinco implementos por dia, um total de 1.300 implementos já no próximo ano, o que representará 20% do total de equipamentos produzidos pela empresa.

“A crise econômica que atingiu fortemente o Brasil nos últimos anos exigiu que a maioria das empresas enxugasse sua operação para se manter competitiva no mercado. Conosco não foi diferente”, explica José Carlos Sprícigo, CEO da Libelato, destacando que suspender a produção da fábrica foi uma medida necessária para manter a empresa saudável. “A demanda foi menor em todos os setores, isso é natural durante um período de crise. No entanto, sempre tivemos em mente que assim que o mercado voltasse a aquecer, voltaríamos a contratar e a planta seria reativada”.

Aloir Librelato, presidente do Conselho de Administração da empresa, ressalta que as expectativas para a retomada da economia nos próximos anos são boas e a planta de Içara II será essencial para atender a demanda. “Estamos otimistas com o crescimento da empresa e do setor. Por isso nosso foco é concentrar esforços em aumentar nossas estruturas para atender da melhor maneira possível o mercado”, afirma.

A Librelato revela ainda que em 2018 o Capex (sigla para capital expenditure, ou investimento em bens de capital) somente para melhoria de produtividade deve alcançar aproximadamente R$ 10 milhões.

Além das fábricas Içara I e Içara II, a Librelato possui outras plantas em operação em Criciúma e Orleans, todas no sul catarinense. Os implementos da Librelato são distribuídos em todo o mercado brasileiro, além de Argentina, Chile, Colômbia, Uruguai, Paraguai, Equador, Peru e Bolívia.

Comentários




Obrigado por comentar!
Erro!