Quinta-feira, 22 de fevereiro de 2018
Dólar R$ 3,24
Euro R$ 4,00
Tecnologística no LinkedIn
Quarta-feira, 7 de fevereiro de 2018 - 9h23
Lançados editais de licitação para Tecas catarinenses
Navegantes e Joinville serão concedidos à iniciativa privado com lance inicial de R$ 500 mil

A Infraero publicou, neste mês de fevereiro, os editais de licitação para a concessão dos terminais de carga (Teca) dos aeroportos de Joinville e Navegantes, ambos em Santa Catarina. A abertura do processo ocorrerá nos próximos dias 28 de fevereiro, para Navegantes, e 1º de março, para Joinville.

A iniciativa faz parte do novo posicionamento estratégico da Infraero, que prevê a exploração comercial dos complexos logísticos situados nos aeroportos que administra.

 A concessão dos espaços prevê a exploração comercial do complexo e operação das atividades de armazenagem e movimentação de cargas por 25 anos, com preço mínimo mensal de R$ 600 mil para Navegantes e R$ 352,5 mil para Joinville, e lance inicial de R$ 500 mil para ambos os Tecas. O valor total de investimentos é de cerca de R$ 22,9 milhões em cada empreendimento.

Os editais preveem que as concessionárias iniciem a administração dos atuais Tecas e que também construam estruturas para compor os complexos logísticos.

Estruturas

O Teca de Navegantes é um dos principais da Região Sul do Brasil e o mais movimentado dentre os terminais de carga administrados pela Infraero no estado de Santa Catarina. Conta com uma área de 104,2 mil m², sendo 4,2 mil m² referentes ao atual terminal de carga, e 100 mil m² referentes à área destinada à implantação do novo complexo logístico.

Já o Teca de Joinville opera com cargas provenientes e destinadas a países como Alemanha, Itália, China e Estados Unidos. Os setores metal-mecânico, fármaco, de equipamento médico-hospitalares e de equipamentos automotivos são os principais segmentos que movimentam cargas pelo complexo logístico. Ele conta com uma área total de 105,7 mil m², divididos em 2,6 mil m² do atual terminal de cargas e 103,1 mil m² destinados à implantação do novo complexo.

Comentários




Obrigado por comentar!
Erro!