Quinta-feira, 22 de novembro de 2018
Dólar R$ 3,78
Euro R$ 4,33
Tecnologística no LinkedIn
Segunda-feira, 5 de novembro de 2018 - 10h28
Fábrica da Volkswagen em Resende terá segundo turno em dezembro
Recuperação das vendas em 2018 e confiança em 2019 foram os fatores que contribuíram para a decisão

A Volkswagen Caminhões e Ônibus abrirá, no próximo mês de dezembro, um segundo turno parcial de produção na fábrica de Resende (RJ), contratando cerca de 350 colaboradores. Segundo o presidente e CEO da Man Latin America, Roberto Cortes, a recuperação do mercado brasileiro ao longo de 2018 e as boas perspectivas para o próximo ano motivaram a decisão.

Divulgação
Divulgação

“Abriremos um turno extra de produção para a montagem de chassis de ônibus e de caminhões extrapesados. Para isso, já em novembro, nós e as empresas do Consórcio Modular, parceiras de manufatura em Resende, iniciaremos as contratações e treinamentos. Também pretendemos aumentar a atual produção dos demais modelos, contando com parte dos novos colaboradores”, explica Cortes.

Segundo o presidente e CEO, a gradual recuperação das vendas em 2018 e a confiança em 2019 foram os fatores que contribuíram para a decisão. “De janeiro a setembro deste ano as vendas brasileiras de caminhões aumentaram quase 50% em comparação com o mesmo período do ano passado. O agronegócio em alta, a retomada das vendas e a expectativa de melhora nos índices de confiança e no ambiente de negócios mostram que estamos no caminho certo”, diz.

Às vésperas de completar 22 anos de operação ininterrupta, a fábrica de Resende hoje opera em um turno de produção, com horas extras e expediente em alguns sábados. Com um portfólio de mais de 50 modelos diferentes de caminhões e 35 opções de chassis de ônibus, possui duas linhas de produção capazes de abastecer os mercados brasileiro e internacional. Vale lembra que a Volkswagen Caminhões e Ônibus exporta produtos acabados ou em kits para mais de 30 países da América Latina e África.

Comentários




Obrigado por comentar!
Erro!