Quinta-feira, 22 de novembro de 2018
Dólar R$ 3,78
Euro R$ 4,33
Tecnologística no LinkedIn
Sexta-feira, 9 de novembro de 2018 - 11h02
Sepetiba Tecon autorizado a operar embarcações da classe New Panamax
Embarcações têm 367 metros de comprimento e capacidade para transportar até 14 mil TEUs

O presidente do Sepetiba Tecon, Pedro Brito, anunciou na última quarta-feira, 7 de novembro, que o terminal obteve junto à Praticagem do Rio de Janeiro a autorização para receber navios New Panamax com 367 metros de comprimento. Os navios desta classe tem a capacidade de transportar até 14 mil TEUs.

Segundo o executivo, com a operação de navios dessa classe, o comércio exterior no estado do Rio de Janeiro será fortalecido e o terminal se tornará o principal ponto de conexão dos demais portos da costa brasileira. “Essa é uma conquista exclusiva não só do nosso terminal, mas também do Rio de Janeiro que passa a ser o único estado da Região Sudeste a oferecer essa capacidade operacional para o transporte marítimo de cargas”, afirma.

Divulgação

O Sepetiba Tecon se tornou apto a receber os navios da classe New Panamax após a concretização de obras de dragagem na área de manobra, na bacia de evolução e berços do terminal e a realização de simulações de atracação no Maritime Institute of Technology and Graduate Studies – MITAGS, nos Estados Unidos. Os parâmetros de manobras do terminal, que permitem operar com calado máximo de 15,40 m para entrada e saída de navios porta-contêineres, o maior da costa leste da América do Sul, também foram importantes para que a autorização fosse emitida.

Além disso, o terminal conta com fatores naturais que favorecem a atracação de navios de grande porte. A baia de Sepetiba é abrigada pela Restinga de Marambaia, que com seu relevo topográfico protege as águas da baía das águas do oceano. Essas características fazem com que o mar seja calmo, seguro e propicio à navegação.

Comentários




Obrigado por comentar!
Erro!