Sexta-feira, 11 de janeiro de 2019 - 10h34
Tecon Vila do Conde registra recordes operacionais
Terminal alcançou em dezembro a movimentação de 11.410 contêineres na operação de 13 navios

O Tecon Vila do Conde, terminal de contêineres operado pela Santos Brasil no Pará, registrou no último mês de dezembro mais um recorde operacional, quando movimentou 11.410 contêineres na operação de 13 navios. O recorde anterior havia sido de 10.596 contêineres em setembro de 2018, também na operação de 13 navios.

Em produtividade, o terminal registrou marca histórica no dia 16 de novembro de 2018 ao realizar 60,4 movimentos por hora (MPH) na operação de um único navio. Em dez horas de operação, foram efetuados 604 movimentos e 580 contêineres foram descarregados do navio Seatrade White. O recorde de produtividade anterior havia sido em 29 de abril, na operação do navio Lion, da CMA CGM, quando foram realizados 43,25 MPH na movimentação de 1.117 contêineres.

Para o diretor de Operações da Santos Brasil, Marlos Tavares, o elevado desempenho nas operações do Tecon Vila do Conde é fundamental para atender com qualidade e segurança o crescimento da região.

O constante crescimento dos índices de movimentação e de produtividade, com a melhora do nível de serviço prestado, são resultados dos investimentos realizados no terminal. Em 2018, foram aplicados R$ 44,6 milhões que possibilitaram a aquisição de equipamentos e a realização de obras no pátio. Além disso, o desempenho é reflexo da implementação de uma gestão de planejamento operacional detalhada e execução rigorosa.

Entre os equipamentos adquiridos no ano passado e que já estão em operação estão um guindaste MHC, com capacidade para içar até 125 toneladas, além de dez caminhões e três empilhadeiras reach stacker, uma para contêineres vazios e duas para cheios.

Já as obras tiveram início em julho e estão previstas para chegar ao fim no primeiro trimestre de 2019, quando o terminal passará a contar com quatro gates de entrada e dois de saída e pavimento de concreto em todo o seu pátio de armazenamento de contêineres, o que permitirá maior velocidade para a operação e maior capacidade de armazenamento.