Quinta-feira, 14 de fevereiro de 2019 - 10h17
Conselho da CNT elege novo presidente da entidade
Vander Costa sucede Clésio Andrade, que esteve à frente da confederação por 26 anos

O Conselho de Representantes da Confederação Nacional do Transporte (CNT), presidido por Clésio Andrade, elegeu, no dia 13 de fevereiro, por unanimidade, o empresário mineiro do setor de transporte de cargas Vander Costa para presidir a entidade pelos próximos quatro anos.

Diretor da Vic Logística, Costa vai suceder Clésio Andrade, que presidiu a CNT pelos últimos 26 anos. O novo presidente afirmou que dará impulso às políticas e projetos da confederação, confiante no atual governo federal. “Além da correta prioridade às reformas de modernização do Estado, o governo demonstra disposição para ampliar os investimentos em infraestrutura por meio da parceria com a iniciativa privada.”

O executivo almeja ainda desenvolver um diálogo maior entre a entidade e o governo. “A CNT oferece pesquisas e estudos, como o Plano CNT de Transporte e Logística, que são fundamentais para a formulação de políticas públicas de transporte. Também vamos mostrar que o Sest Senat é modelo de gestão transparente, enxuta e voltada exclusivamente para o desenvolvimento dos trabalhadores do transporte. Queremos dialogar, trabalhar junto com o governo”, completa.

A CNT reúne 26 federações, quatro sindicatos nacionais e 18 entidades associadas, de todos os modais de transporte. Isso representa mais de 200 mil empresas do setor, 2 milhões de caminhoneiros e taxistas e mais de 3 milhões de empregos gerados.