Terça-feira, 12 de março de 2019 - 9h35
Multilog investe na ampliação de suas unidades de Campinas e Barueri
Ao todo serão 3 mil m² destinados a produtos do segmento de saúde

A Multilog anunciou que vai promover ampliações em suas unidades localizadas nas cidades paulistas de Campinas e Barueri com o objetivo de expandir a atuação com produtos de saúde. As estruturas receberão áreas exclusivas e personalizadas de acordo com as necessidades do setor. Os valores envolvidos não foram revelados.

Com 65 mil m² no total, o Centro Logístico Industrial e Aduaneiro (Clia) da Multilog em Campinas passará a contar com 1.500 m² com foco no segmento, divididos em 890 posições verticalizadas e 128 m² de área blocada, com temperaturas de 15º a 25°.

Divulgação

Seguindo o mesmo modelo, o Porto Seco de Barueri passará a contar com 1.580 m² de área climatizada, sendo mais de 1.400 posições verticalizadas disponíveis nas temperaturas entre 15º e 25º. Já a câmara fria, com temperaturas entre 2º e 8º, terá um total de 200 m² com 192 posições verticalizadas.

“As áreas possuem estrutura referência mundial e com as adequações tornamos possível o armazenamento de produtos como medicamentos, reagentes, correlatos e equipamentos médicos”, explica o presidente da Multilog, Djalma Vilela. “Com a constante evolução nos processos regulatórios para as cargas de anuência Anvisa, estar preparado com infraestrutura de alto nível e conhecimento no modelo de operação certamente é o nosso diferencial”, afirma o gerente de Desenvolvimento de Negócios do Sudeste, Herbert Zacatei.

A Multilog conta com o know-how de sua matriz, situada em Itajaí (SC), que há mais de dez anos oferece serviços para a área de saúde. Atualmente, a empresa conta com 20 unidades de negócio em quatro diferentes estados (São Paulo, Paraná, Rio Grande do Sul e Santa Catarina) e 1,5 milhão de m² de área alfandegada.