Segunda-feira, 25 de março de 2019 - 10h21
Latam Cargo divulga reforço de capacidade e amplia eficiência
Unidade de negócios da Latam Airlines reforça movimentação nas rotas de Guarulhos para Recife e Manaus

A Latam Cargo Brasil, unidade de cargas do Grupo Latam Airlines, anunciou durante a feira Intermodal a ampliação da capacidade de cargas nas rotas de Guarulhos (SP) para Recife e Manaus. O foco da companhia é ampliar a eficiência no atendimento da demanda do transporte aéreo de cargas em rotas importantes para o desenvolvimento econômico do País.

Além disso, a empresa está finalizando no aeroporto de Guarulhos a construção do novo cooler para atender as demandas internacionais de transportes de itens que necessitam de refrigeração. Os mais de 5.370 m² construídos proporcionarão aumento de 33% de capacidade de armazenamento de itens perecíveis, como salmão, aspargos, manga, cerejas, bagas, pescada do sul e flores. O novo terminal refrigerado está previsto para entrar em operação no segundo semestre de 2019.

Recentemente, a companhia inaugurou o terminal de cargas do aeroporto de Confins, em Minas Gerais. Assim, o estado passou a ser atendido por três bases de distribuição. Juntos, os aeroportos de Pampulha, Uberlândia e Confins movimentam mais de 750 toneladas por mês.

A rota Guarulhos – Recife – Guarulhos, receberá o acréscimo de 66 t de capacidade por semana. A operação será realizada em aeronaves comerciais (porões) às terças-feiras e quintas-feiras, a partir de 2 de abril. Essa atividade não servirá apenas para redistribuir as encomendas para outras regiões do Nordeste, como também levar os produtos dessas regiões a partir da capital pernambucana para Guarulhos, onde serão encaminhados para os demais destinos do Sudeste e do Sul do País.

Já na rota Guarulhos – Manaus – Guarulhos, o acréscimo será de 310 t por semana a partir deste mês de março, representando 45% de aumento na oferta atual de serviço cargueiro. Para isso, a Latam Cargo passará a oferecer 17 frequências semanais em aeronaves cargueiras modelo Boeing 767-300F, que comportam até 55 t por frequência.

O crescimento dessas frequências representará um aumento de mais de 10% nos voos partindo do aeroporto de Guarulhos. “Mesmo diante de um cenário desafiador, a companhia optou por seguir investindo no desenvolvimento do mercado de transporte de cargas aéreas no Brasil e trabalhando para ampliar a capacidade de atendimento”, afirma o diretor-geral da Latam Cargo Brasil, Diogo Elias. O executivo completa dizendo que, como líderes de mercado no país, a empresa tem todos os esforços voltados a aprimorar os serviços e oferecer o melhor produto, de acordo com as necessidades e perfil dos clientes.

Estrutura

A Latam Cargo Brasil dispõe de 48 terminais de carga, dos quais 42 em aeroportos das principais capitais brasileiras, cobrindo as cinco regiões do país (Sul, Sudeste, Centro-Oeste, Nordeste e Norte), além de trabalhar com parceiros terrestres para recepção e entrega de cargas em mais de três mil cidades de todo o país.

Como forma de manter-se alinhada ao padrão mundial da indústria de transporte aéreo, em junho de 2018, a companhia iniciou a implementação de um novo software que permitirá controlar diversas funcionalidades do negócio em um único sistema operacional, o Wipro, que vai integrar todas as funcionalidades das operações, desde a etapa de planejamento até a cobrança. Além de fornecer mais e melhores ferramentas aos clientes, a solução converterá a Latam Cargo no grupo de carga com o sistema operacional mais sofisticado na América Latina. A expectativa é de que o novo programa esteja disponível para o negócio internacional no final de 2019 e para os mercados domésticos em 2020.