Quarta-feira, 3 de abril de 2019 - 14h24
Flash Courier investe em novo modelo de negócios com a criação da Moove
Empresa é especializada no transporte de encomendas urgentes que utilizam meios eletrônicos de pagamento

A Flash Courier, empresa que já atua há mais de 25 anos no mercado logístico e é especializada no transporte de cartões bancários e de benefícios, criou a Moove, braço voltado ao transporte de encomendas urgentes que utilizam meios eletrônicos de pagamento. Trata-se de uma reinvenção da Ilog, transportadora do grupo que já existe há cinco anos.

“A Ilog é uma empresa independente que, agora, passa a ser a Moove. A troca de nome reforça nossa intenção de reformular a marca para atender um mercado totalmente diferente”, esclarece o CEO da Flash Courier, Guilherme Juliani. De acordo com ele, a novidade chega apostando em um novo modelo de negócio no mercado de distribuição com base nas mudanças no perfil de consumo e das formas de pagamento.

Divulgação
Divulgação

O executivo explica que a estratégia segue uma tendência mundial, que é a substituição dos cartões físicos por meios de pagamento eletrônico, como os que utilizam a leitura de QR Code, biometria ou associação com plataformas mobile. “A Flash se consolidou nesse mercado de cartões, mas com as mudanças impostas pela tecnologia e a necessidade de o cliente ter, cada vez mais, comodidade nos processos do seu dia a dia, a tendência é que esses cartões de plástico caiam em desuso em alguns anos. Nós não vamos esperar isso acontecer e, por isso, estamos antecipando esse cenário e criando alternativas para o negócio”.

Sediada em São Bernardo do Campo (SP), a Moove já nasce com uma carteira de clientes com marcas importantes, como PagSeguro, Ifood e DressTo – que já eram atendidas pela Ilog – além de 150 colaboradores. De acordo com Juliani, a expectativa é que a Moove cresça 40% em 2019 e entregue cerca de 300 mil encomendas por mês.

“Nosso trabalho é muito focado na utilização de dados e na melhoria dos fluxos operacionais. Por isso, tecnologias como robótica, mobile, bigdata, automação e sharing economy fazem parte nossa operação. Iniciar uma empresa que pensa a logística do futuro é uma consequência óbvia para nós”, destaca Juliani.

A Flash Courier como um todo realizou 18 milhões de entregas somente em 2018, uma média mensal de 1,5 milhão de encomendas. Também sediada em São Bernardo do Campo, conta com um espaço de mais de 20 mil m², 600 colaboradores diretos e 1.200 indiretos que atuam em parceiras.