Quinta-feira, 16 de maio de 2019 - 11h43
Fábrica da Novelis em Pindamonhangaba passará a contar com terminal ferroviário
Estrutura vai facilitar o acesso aos portos de Santos e Itaguaí

A Novelis, companhia líder mundial em laminados e reciclagem de alumínio, iniciou em março as obras de expansão de sua unidade de chapas de alumínio localizada em Pindamonhangaba (SP), que incluem a construção de um terminal ferroviário com o objetivo de aprimorar sua logística, facilitando o acesso aos portos de Santos (SP) e Itaguaí (RJ).

“A construção do terminal ferroviário diversifica nossos modais de transporte, ao mesmo tempo em que oferece uma alternativa mais sustentável, garantindo uma logística mais eficiente para o cliente”, afirma Tadeu Nardocci, presidente da Novelis América do Sul.

O terminal vai conectar a fábrica aos portos por meio da rede ferroviária da MRS. Com a utilização do modal ferroviário, a Novelis espera reduzir em até 73% as emissões de CO2 no transporte de seus produtos em comparação com o transporte rodoviário.

Divulgação
Divulgação

Ao todo, serão investidos R$ 650 milhões na expansão da planta produtiva da companhia. Além da instalação do terminal ferroviário, o aporte aumentará a capacidade de produção de chapas de alumínio em 100 mil toneladas ao ano, passando para aproximadamente 680 mil t, e a capacidade de reciclagem em 60 mil t ao ano, chegando a 450 mil t.

“Esse investimento é um olhar para o futuro e dá continuidade à nossa bem-sucedida operação na região, além de reforçar o nosso compromisso com a inovação no fornecimento de soluções de alumínio”, diz Nardocci. O projeto conta com o suporte da Investe São Paulo, agência de desenvolvimento ligada ao governo do estado.

A unidade de Pindamonhangaba é a principal fábrica da Novelis no Brasil e o maior centro de laminação e reciclagem de alumínio da América do Sul. Ela foi inaugurada em 1977 e conta com cerca de 1.100 profissionais. A Novelis mantém nove centros de coleta de sucata espalhados pelo país e desenvolve atividades de laminação também em Santo André (SP).

A operação brasileira da companhia envolve cerca de 1.500 profissionais e alcançou uma receita de US$ 1,9 bilhão no ano fiscal de 2018. A Novelis opera em dez países ao redor do mundo, emprega aproximadamente 11.100 profissionais e teve uma receita global de US$ 11,5 bilhões no último ano.