Terça-feira, 19 de julho de 2016 - 15h12
Arysta LifeScience divulga números resultantes da implantação de TMS
Software de gestão de frete da TranspoBrasil proporcionou economia de 300 mil reais para a empresa

A Arysta LifeScience, empresa global especializada na comercialização e distribuição de defensivos agrícolas, produtos de nutrição vegetal e tratamento de sementes, divulgou números da economia obtida após a implantação do sistema de gerenciamento de transporte (TMS, na sigla em inglês para transportation management system) TranspoFrete, da TranspoBrasil, empresa que atua no desenvolvimento de soluções para a gestão de fretes e logística de embarcadores.

Com processos logísticos bastante distintos, a empresa tem a necessidade de gerir seus fretes em operações de distribuição e armazenamento de mercadorias, transferências de materiais, fretes de devoluções e de compras. Para atender a essas demandas e proporcionar um planejamento logístico melhor, desde julho de 2015 toda a gestão de valores de fretes é feita pela ferramenta da TranspoBrasil.

Segundo os analistas da Arysta, de novembro de 2015 a março de 2016 a companhia teve uma economia total de R$ 300 mil, apurada com a utilização do software, o que garantiu rápido retorno do investimento.

“Após a implantação do TranspoFrete, houve uma melhora significativa no processo de decisão de quais transportadoras vão efetuar os nossos transportes, que passou a ser totalmente apoiada pela gestão das informações no TranspoFrete. As cotações on-line de fretes, que fundamentam essas decisões, também tiveram sua rotina dinamizada a partir da implantação da solução, que permite ainda que sejam feitas simulações de valores de fretes nos casos dos fretes fracionados”, diz Dener Frige, coordenador de Logística Outbound nas operações da Arysta no Brasil.

André Luiz Jacinto, diretor de Serviços da TranspoBrasil, acrescenta que outras frentes também fizeram parte do projeto TranspoFrete na Arysta, como a gestão de prazos e ocorrências de transporte. “Outra medida importante foi a instalação de um televisor na área de Logística para o acompanhamento dinâmico da eficiência dos transportes. Também fizemos a implementação de toda a integração fiscal e administrativa com o ERP (enterprise resource planning) SAP, eliminando a necessidade de digitação de documentos fiscais e faturas de transportes”, diz.

Comentários




Obrigado por comentar!
Erro!