Segunda-feira, 1 de outubro de 2018 - 10h45
Recordes operacionais no Porto de Santos
Terminal computou até agosto movimento geral de cargas de 88,821 milhões de toneladas, com incremento de 8,5% nos desembarques e de 2,2% nos embarques

A Companhia Docas do estado de São Paulo (Codesp) informa que a movimentação de cargas no Porto de Santos registrou no último mês de agosto recordes mensal e acumulado de toda a série histórica.  O resultado superou em 4% o acumulado e em 1,1% o até então maior movimento mensal, ambos verificados em agosto do ano passado. As operações com contêineres também apontaram recordes históricos nos totais mensal e acumulado.

No movimento geral de cargas foram 88,82 milhões de toneladas operadas nos oito primeiros meses, com incremento de 8,5% nos desembarques e de 2,2% nos embarques. No mês, foram 12,48 milhões de t com aumento de 8,8% das mercadorias descarregadas e redução de 1,6% das cargas embarcadas.

No resultado consolidado do mês, os crescimentos mais significativos em relação a agosto de 2017 foram observados na movimentação de soja em grãos a granel, com 201,7% de aumento e celulose, com 71,4%. No acumulado, os destaques ficaram com o crescimento de 46,1% nos embarques de celulose e de 20,6% das exportações de sucos cítricos. Quanto ao volume, as cargas que mais cresceram foram a soja, aumento de 2,95 milhões de t, cargas conteinerizadas, com mais 1,51 milhão de t, e celulose, com mais 923 mil t.

Divulgação

A movimentação de cargas conteinerizadas registrou total de 4,33 milhões de t, superando em 10,3% o verificado em agosto do ano passado. Em quantidade, a movimentação atingiu 387.791 TEUs, com expansão de 14,6%. O desempenho dos contêineres também apontou novo recorde no acumulado, superando em 11,1% e 5,3%, os totais em TEUs e tonelagem, respectivamente.

Quanto ao fluxo de navios, o movimento de agosto apontou uma queda de 7,5% no total de embarcações – 393 navios – que atracaram no Porto de Santos no mês e um incremento de 0,9% nas atracações, 3.247 navios, no acumulado do período.  A consignação média, que representa a média de tonelagem operada por navio, aumentou 9,69% e 2,84%, nos totais mensal e acumulado, respectivamente. Os índices indicam que as embarcações vêm operando com maior volume de carga devido, dentre outros fatores, às condições de calado para navegação.

Balança Comercial

A participação do Porto de Santos na corrente de comércio exterior chegou a 24,3% sobre o total nacional, atingindo o valor comercial de US$ 68,2 bilhões em cargas de longo curso que transitaram pelo complexo.

As exportações participaram com 22% do total do País, representando US$ 35 bilhões.  A China foi o país que mais recebeu mercadorias, com 28,7% de participação, avaliadas em US$10,03 bilhões.

Já as importações por meio do terminal santista chegaram a US$33,2 bilhões com 27,4% sobre o total nacional, também com a China liderando o ranking com 21,2% do total, US$ 7,03 bilhões em valor comercial das cargas procedentes do mercado externo.