Quinta-feira, 28 de março de 2019 - 10h47
Ceva Logistics expande atendimento a clientes do segmento de e-commerce
Operador estabeleceu novos contratos em diversos países ao redor do mundo

A Ceva Logistics expandiu ainda mais seus serviços voltados para o segmento de e-commerce com o início da operação de importantes novos contratos estabelecidos no Reino Unido, na Turquia, nos Estados Unidos, no Canadá e no Brasil nos últimos meses.

De acordo com o próprio operador logístico, sua presença mundial e sua capacidade de fornecer soluções de armazenamento e de transporte global e de agenciamento de frete tanto para cadeias de abastecimento B2B quanto B2C oferecem uma base robusta para serviços globais omnichannel para o e-commerce internacional.

“A velocidade é tudo nesse setor e você deve ser capaz de projetar e operar redes que entreguem custos otimizados e prazos de entrega rápidos. Nosso investimento em centros de logística para e-commerce de alta velocidade e soluções específicas de transporte está começando a valer a pena. Nossa forte capacidade de integração de TI conecta harmoniosamente a logística com o mundo online de uma maneira que realmente funciona para o cliente”, destaca Laurent Binetti, Chief Commercial Officer (CCO) da Ceva.

Os centros de logística da Ceva têm o apoio de sua ampla rede global, proporcionando entregas no dia seguinte ou até no mesmo dia. As soluções de e-commerce da empresa são projetadas para permitir que seus clientes se preparem para vender com sucesso pela internet por meio da otimização de suas cadeias de abastecimento para a era digital, inclusive penetrando em novas regiões com forte potencial de crescimento para os negócios.

“O transporte da China para um consumidor em Londres em quatro dias por um preço razoável é um dos produtos onde vemos uma demanda muito forte para seguir em frente”, analisa Niels Weithe, diretor global de E-commerce da Ceva. “A mudança geral do volume de logística para o e-commerce, a integração omnichannel que exige novas soluções de armazenamento e última milha e a globalização do e-commerce são os desafios mais relevantes para um provedor de serviços logísticos. Essas são as áreas em que investimos pesadamente. Como parte disso, vemos que muitos produtos mais pesados e volumosos são vendidos online e exigem manuseio especial. Como especialistas nesse setor, continuaremos a expandir nossa base de clientes também nesse campo”, finaliza.