Ibovespa
119.293,04 pts
(-0,19%)
Dólar comercial
R$ 5,42
(0,78%)
Dólar turismo
R$ 5,63
(0,83%)
Euro
R$ 5,82
(1,08%)

Log-In Logística Intermodal completa 22 anos de atuação no Mercosul

Atualmente, companhia anuncia que conta com um serviçono trade Brasil-Argentina, além de uma rota complementar para Assunção, no Paraguai
Por Redação em 6 de janeiro de 2023 às 10h56
Log-In Logística Intermodal completa 22 anos de atuação no Mercosul

A Log-In Logística Intermodal, empresa de soluções logísticas, movimentação portuária e navegação de cabotagem e longo curso, completa 22 anos de atuação no Mercosul. Atualmente, a companhia anuncia que conta com um serviço focado no trade Brasil-Argentina, além de uma rota complementar para Assunção, no Paraguai.  Na Argentina, por meio do serviço Atlântico Sul, a companhia conta com escala semanal no porto de Buenos Aires (TRP) e quinzenal em La Plata (TecPlata).

A empresa ressalta que com base em um planejamento estratégico vem investindo neste tráfego, ampliando sua participação e atendendo a uma cartela de clientes dos mais variados segmentos da indústria. No trecho Brasil-Argentina, são transportados, sobretudo, produtos como: alimentos, polímeros, cobre, pneus, peças automotivas e eletrodomésticos.

Leia mais: Log-In divulga resultados do terceiro trimestre de 2022

Com crescimento de 25% no volume movimentado em comparação ao terceiro trimestre de 2021 (3T21) e de 50% se comparado aos meses de janeiro a setembro (9M21), o Mercosul exerce papel crucial para a consolidação dos resultados financeiros e operacionais, afirma a empresa. No último trimestre de 2022, entre os meses de julho e setembro (3T22), a Receita Operacional Líquida (ROL) do serviço de Navegação Costeira atingiu a marca de R$ 304,2 milhões, enquanto o Ebitda foi de R$103,4 milhões.

O diretor Comercial da Log-In, Felipe Gurgel explica que a participação da companhia nesta região deve-se, especialmente, aos investimentos direcionados aos serviços prestados ao trade. “Ao longo destes 22 anos construímos uma atuação bastante sólida no Mercosul. A entrada de novos clientes, transporte de cargas diversas e com alto grau de rentabilidade, bem como a celebração de contratos de longo prazo, corroboram para a melhoria do nível de serviço na região.”

Histórico

A história da Log-In com a Argentina, conta a empresa, teve início quando a companhia ainda era uma divisão de navegação da Vale. Desde então, a empresa seguiu investindo fortemente na ampliação de negócios para a região.

Em 2006, a empresa inaugurou um escritório próprio no país, que conta com profissionais que atuam diretamente para a expansão dos negócios e no atendimento de assuntos relacionados ao Mercosul. “Nossa equipe possui grande conhecimento sobre este mercado e contribui diretamente para tomadas de decisão mais assertivas, apoiando clientes e parceiros a escolherem as melhores opções logísticas, além de estarem atentos às oportunidades de negócios na região”, ressalta Gurgel.

Leia mais: Log-In registra 72,6% de crescimento na receita no 2º trimestre de 2022

A Log-In anuncia que oferece ainda um serviço exclusivo no país, sendo o único operador logístico que atraca com regularidade no terminal TecPlata, no Porto de La Plata. A atuação tem sido uma alternativa para estimular e potencializar a competitividade de importadores e exportadores, segundo Gurgel.

Operação 3PL

Em 2021, com o intuito de diversificar sua cartela de serviços no Mercosul, a Log-In ressalta que passou a oferecer soluções customizadas, também conhecidas como 3PL. De acordo com Gurgel, trata-se de uma modalidade em que parte da cadeia logística é terceirizada para um operador logístico.

Neste sentido, um dos principais e mais recentes contratos firmados neste modelo trata-se da movimentação de produtos químicos saindo da Argentina, em direção ao Brasil, em que a Log-In é o único operador de toda cadeia logística, conforme cita Gurgel.

“Esta operação é realizada a partir de uma parceria com nosso escritório em Buenos Aires, unindo os navios porta-contêineres e o terminal intermodal de Itajaí, em Santa Catarina. Tem se mostrado uma excelente oportunidade para demonstrar aos nossos clientes o trabalho da Log-In com soluções logísticas customizadas e não apenas como uma empresa de navegação”, diz o executivo.

A ação conta com saídas do porto argentino de TecPlata, com destino ao Porto de Itajaí (SC). A carga é transferida então para o terminal intermodal da Log-In, em Itajaí, armazenada e, posteriormente, entregue por um caminhão aos clientes nas regiões Sul e Sudeste, enquanto outra parte é destinada, via cabotagem, ao Nordeste.

Rota no Paraguai

Além da atuação na Argentina, a Log-In afirma que ampliou, nos últimos dois anos, seu serviço de Navegação Costeira e passou a atender o Porto de Assunção, no Paraguai. A linha visa solucionar as demandas dos principais portos do Brasil, possibilitando o transporte de produtos de Manaus à Assunção.

O gerente Regional da Log-In no Mercosul, Marcelo de Oliveira, explica que Buenos Aires atua como porto de conexão para carga em contêineres dos navios da Log-In para embarcações menores nas travessias via Rio Paraná, por meio de parceria com um armador da região responsável por operar o trecho Assunção x Buenos Aires x Assunção. “Assim como na Argentina, enxergamos o Paraguai como ponto estratégico para potencializar os negócios da Log-In. Esperamos que nos próximos anos possamos expandir e solidificar ainda mais a nossa atuação no país.”

Leia mais: Log-In divulga relatório de sustentabilidade e desempenho do primeiro trimestre

Ao longo dos últimos 22 anos, a Log-In Logística Intermodal pontua ainda que intensificou o nível de serviço para garantir mais qualidade e competitividade no mercado sul-americano. Oliveira afirma que a companhia pretende seguir investindo em novas parcerias no Mercosul.

“Priorizamos a experiência do cliente ofertando novos modelos de negócios, serviços personalizados e máxima eficiência no transporte intermodal. Por isso, contamos com um alto nível de credibilidade na região, sobretudo na Argentina, que confia em nossa expertise. Agora, o nosso objetivo é seguir contribuindo para os negócios da região, por meio de uma cadeia logística eficiente e inovadora”, diz o gerente Regional da Log-In no Mercosul.

Usamos cookies e tecnologias semelhantes para melhorar sua experiência, analisar estatísticas e personalizar a publicidade. Ao prosseguir no site, você concorda com esse uso, em conformidade com a Política de Privacidade.
Aceitar
Gerenciar