Ibovespa
127.625,84 pts
(-0,03%)
Dólar comercial
R$ 5,60
(0,30%)
Dólar turismo
R$ 5,81
(0,28%)
Euro
R$ 6,10
(0,13%)

G2L anuncia investimento de R$ 600 mil em novo centro logístico

Estrutura contará com 7 mil m² e será utilizada para as movimentações da Gerdau e de terceiros
Por Redação em 14 de maio de 2020 às 11h28

A G2L, unidade de operação logística da Gerdau, anuncia que investirá R$ 600 mil na instalação de uma unidade em Mogi das Cruzes (SP). A previsão é que as atividades na estrutura, que contará com 7 mil m² e estará instalada dentro da sede da fabricante de aço, sejam iniciadas no mês de julho.

O novo centro logístico fará, numa primeira etapa, o gerenciamento da distribuição do aço produzido pela Gerdau para toda a Região Metropolitana da cidade de São Paulo. Em uma segunda fase, a unidade trabalhará com cargas de outros clientes, atendendo a todos os estados do Brasil. O transporte de recebimento e expedição de cargas será estruturado via sistema rodoviário e ferroviário e contará com o ramal para os trens já existente na unidade de Mogi das Cruzes. Vale lembrar, ainda, que a linha própria está ligada à malha férrea que corta a cidade, no distrito de Cezar de Souza.

A instalação da unidade em Mogi das Cruzes se justifica pela localização estratégica do município, que possui acesso a algumas das principais rodovias do país, facilitando o acesso a diversas regiões, como o Porto de Santos (SP) e o Aeroporto Internacional de Guarulhos (SP).

Segundo o diretor de Logística, Planejamento Estratégico e Inovação da Gerdau, Elder Rapachi, a G2L é uma operadora logística que atua por meio de uma plataforma digital na qual é possível contratar fretes tanto para a própria empresa quanto para clientes e prestadores de serviço. “A iniciativa está em linha com a estratégia da Gerdau de buscar soluções inovadoras para a cadeia do aço e desenvolver novos negócios”, diz.

A unidade logística surgiu em abril de 2018 como projeto-piloto de intraempreendedorismo de um grupo de colaboradores da Gerdau que buscava alternativas para o transporte rodoviário. Hoje, a empresa tem sede em Barueri (SP) e conta com funcionários próprios.

Em 2019, a G2L computou faturamento de R$ 151 milhões e movimentou 924 mil toneladas de cargas, incluindo produtos da Gerdau e de terceiros.

Usamos cookies e tecnologias semelhantes para melhorar sua experiência, analisar estatísticas e personalizar a publicidade. Ao prosseguir no site, você concorda com esse uso, em conformidade com a Política de Privacidade.
Aceitar
Gerenciar