Ibovespa
122.650,92 pts
(1,08%)
Dólar comercial
R$ 5,39
(-0,92%)
Dólar turismo
R$ 5,60
(-1,09%)
Euro
R$ 5,79
(-0,51%)

Porto Itapoá recebe autorização para uso de mais 50 mil m2

Com nova área, terminal passa a ter 300 mil m2 de pátio
Por Redação em 2 de janeiro de 2023 às 14h00
Porto Itapoá recebe autorização para uso de mais 50 mil m2

A ampliação do pátio do Porto Itapoá (SC) foi licenciada pelo Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama), pela Receita Federal do Brasil e pela Agência Nacional de Transportes Aquaviários (Antaq) e está agora liberada para funcionamento. Trata-se de uma área de 50 mil m2 que será adicionada ao pátio do terminal, totalizando 300 mil m2.

O novo espaço possui capacidade estática de aproximadamente 7 mil contêineres, segundo o presidente do Porto Itapoá, Cássio Schreiner. “É um importante incremento em nossa capacidade operacional e que terá reflexo positivo em todas as cadeias em que estamos inseridos”, afirma o executivo.

Leia mais: Porto Itapoá bate recorde de exportações cross-docking em 2022

“Já estão em obras mais 150 mil m2 de pátio, que nos levarão a 450 mil m2 de área total”, explica Schreiner. “Ao ser concluído, o pátio nos possibilitará operar com quase o dobro da movimentação de contêineres atual”.

A construtora Piacentini, responsável pela expansão do pátio do Porto Itapoá, entregou a primeira etapa da obra no dia 15 de agosto. A obra total é fruto de um investimento de R$ 750 milhões e teve início em fevereiro de 2022.

Leia mais: Porto Itapoá recebe o maior navio de sua história

Com a previsão de ampliar sua capacidade de atendimento, o Porto Itapoá vem fazendo investimentos em infraestrutura. Foram adquiridos mais cinco RTGs, guindastes móveis sobre pneus próprios para a movimentação de contêineres no pátio. O terminal já conta com 17 equipamentos do mesmo tipo, da marca ZPMC, mas os novos serão operados por controle remoto. O Porto Itapoá será o primeiro do Brasil a contar com essa tecnologia e as primeiras máquinas chegarão em abril de 2023.

Itapoá também adquiriu duas novas empilhadeiras Reach Stacker, já em operação, que serão empregadas nas operações no pátio do terminal. O objetivo é potencializar o atendimento entre navio e pátio, complementando as operações com o RTG.

Usamos cookies e tecnologias semelhantes para melhorar sua experiência, analisar estatísticas e personalizar a publicidade. Ao prosseguir no site, você concorda com esse uso, em conformidade com a Política de Privacidade.
Aceitar
Gerenciar