Ibovespa
124.888,65 pts
(-0,36%)
Dólar comercial
R$ 5,27
(1,58%)
Dólar turismo
R$ 5,49
(1,74%)
Euro
R$ 5,59
(1,54%)

Intermodal: Missão dos Países Baixos e Brasil assinam acordo de cooperação em desenvolvimento sustentável de portos e energias

A missão holandesa, foi liderada pelo vice-prefeito de Roterdã, Robert Simons, também responsável pelo porto de Roterdã
Por Redação em 5 de março de 2024 às 11h46
Intermodal: Missão dos Países Baixos e Brasil assinam acordo de cooperação em desenvolvimento sustentável de portos e energias
Foto: Raphael Minho/Tecnologística
Foto: Raphael Minho/Tecnologística

Durante a 28ª edição da Intermodal South America, que ocorre em São Paulo (SP), uma missão dos Países Baixos visitou o evento com o objetivo principal de oficializar um acordo de cooperação entre os países, além de promover um simpósio e realizar rodadas de reuniões com autoridades portuárias e empresas locais. O acordo firmado na Intermodal está vinculado ao programa GPD (Green Ports Partnership), estabelecido em maio de 2023 para fomentar a cooperação entre entidades brasileiras e neerlandesas, tanto públicas quanto privadas, visando construir parcerias e gerar oportunidades de negócios no mercado marítimo.

A missão holandesa, foi liderada pelo vice-prefeito de Roterdã, Robert Simons, também responsável pelo porto de Roterdã, além de outras autoridades e empresários do setor. Entre as atividades da agenda estava a assinatura do acordo de cooperação durante a cerimônia de abertura da Intermodal South America. O programa trata de dois temas: o desenvolvimento sustentável & logística e projetos energéticos ligados aos portos (energia eólica onshore e offshore & hidrogênio verde).

A missão chegou ao Brasil no dia 3 de março, com visitas previstas aos portos de Rio Grande e à cidade de Fortaleza, além da participação nos três dias da Intermodal South America, em São Paulo. Um simpósio, agendado para 6 de março, abordará os desafios e perspectivas para o desenvolvimento sustentável dos portos brasileiros e holandeses, apresentando iniciativas para logística sustentável e energias renováveis.

A missão busca explorar a expansão das instalações portuárias para acomodar as necessidades do setor eólico offshore e sua interligação com o setor de hidrogênio verde, contribuindo para a transição energética. A expectativa é que a cooperação entre os países promova oportunidades de negócios e avanços tecnológicos para uma gestão portuária mais eficiente e sustentável.


LEIA TAMBÉM:

Usamos cookies e tecnologias semelhantes para melhorar sua experiência, analisar estatísticas e personalizar a publicidade. Ao prosseguir no site, você concorda com esse uso, em conformidade com a Política de Privacidade.
Aceitar
Gerenciar