Ibovespa
129.418,73 pts
(-0,63%)
Dólar comercial
R$ 4,99
(0,80%)
Dólar turismo
R$ 5,18
(0,71%)
Euro
R$ 5,40
(0,80%)

Mercado Livre compra 400 veículos e dobra sua frota elétrica

Frota vai superar a marca de 700 unidades em operação no país
Por Redação em 7 de junho de 2023 às 15h14
Mercado Livre compra 400 veículos e dobra sua frota elétrica
Foto: Divulgação/Mercado Livre
Foto: Divulgação/Mercado Livre

O Mercado Livre anunciou a compra de 400 veículos elétricos, dobrando a sua frota sustentável, que ainda conta com aproximadamente 140 veículos movidos a gás natural. Mais de 400 novos veículos elétricos também serão incorporados à operação logística no México e no Chile. Com isso, a companhia passará a contar com mais de 1.000 veículos elétricos em toda a América Latina

O investimento é fruto da emissão de um título sustentável, de US$ 400 milhões, que foram captados em 2021 para impulsionar projetos de triplo impacto: redução da pegada ambiental, por meio do uso de energias renováveis, eficiência energética, embalagens e mobilidade sustentáveis, e regeneração e conservação de biomas; inclusão financeira, ao facilitar o crédito para micro e pequenas empresas e empreendedores; e desenvolvimento e empoderamento social, por meio do qual impulsiona a educação para reduzir a deficiência digital e incluir jovens no mercado de trabalho da América Latina.

A companhia ainda anunciou que o aumento da frota é acompanhado pela instalação de novos pontos de carregamento na região, somando mais de 200 pontos de recarga. Além da mobilidade elétrica, o Mercado Livre tem investido no desenvolvimento de uma frota de caminhões movidos a gás natural, combustível que emite cerca de 18% menos carbono que o diesel. Atualmente, 139 caminhões utilizam gás natural no Brasil.

Outro anúncio realizado pelo Mercado Livre foi uma parceria com a Newlab, plataforma internacional de inovação com sede regional em Montevidéu, no Uruguai, para acelerar a transição sustentável da sua rede logística com soluções inovadoras de mobilidade. A partir dessa união, será iniciado o desenvolvimento do Studio Low-Carbon Logistics, com o objetivo de testar protótipos e incorporar tecnologias emergentes de baixa emissão de dióxido de carbono (CO2), com foco nos veículos utilizados na última milha do transporte, a distribuição dos embarques, principalmente nas áreas de maior tráfego e densidade populacional.

“O rápido crescimento do Mercado Livre na América Latina nos desafia a ser cada vez mais eficientes para gerir e reduzir nosso impacto ambiental, especialmente em um tema importante como a mobilidade sustentável. Estamos satisfeitos com os avanços conquistados e, sobretudo, comprometidos em acelerar o impacto das nossas iniciativas de mobilidade, energias renováveis e circularidade de materiais, trabalhando em conjunto com todos os atores envolvidos nesta agenda”, destaca Guadalupe Marin, diretora de Sustentabilidade do Mercado Livre na América Latina.

Além do investimento em uma logística cada vez mais sustentável, a companhia consome 100% de energia limpa em 21 operações logísticas e escritórios; 100% das embalagens da companhia são recicláveis, reutilizáveis ou compostáveis; e, como parte de seu programa Regenera America, a empresa investiu mais de 10 milhões de dólares em projetos de regeneração e conservação de biomas emblemáticos da América Latina, somando mais de 10 milhões de árvores em processo de restauração.

LEIA TAMBÉM:

Usamos cookies e tecnologias semelhantes para melhorar sua experiência, analisar estatísticas e personalizar a publicidade. Ao prosseguir no site, você concorda com esse uso, em conformidade com a Política de Privacidade.
Aceitar
Gerenciar