Ibovespa
129.558,62 pts
(0,42%)
Dólar comercial
R$ 4,96
(-0,36%)
Dólar turismo
R$ 5,16
(-0,28%)
Euro
R$ 5,37
(-0,02%)

EcoNoroeste inicia operação de 442 km de rodovias no interior de SP com redução de tarifa

Concessionária assume no dia 1º de maio, a gestão de três rodovias no noroeste paulista
Por Redação em 27 de abril de 2023 às 9h42
EcoNoroeste inicia operação de 442 km de rodovias no interior de SP com redução de tarifa

A EcoNoroeste, empresa do grupo EcoRodovias, assume no próximo dia 1º de maio, a concessão das rodovias Washington Luís (SP 310), Brigadeiro Faria Lima (SP 326) e Carlos Tonanni, Nemésio Cadetti, Laurentino Mascari e Dr. Mario Gentil (SP 333) nas regiões de São Carlos, Araraquara, Barretos e São José do Rio Preto. Nessa primeira etapa, a empresa irá operar 442 quilômetros de rodovias, mas outros 158 quilômetros serão adicionados em 2025, após o término do contrato da atual concessionária.

Com a nova concessão, está prevista, em média, uma redução inicial de 9% nas tarifas de pedágio atualmente em vigor. Além disso, a concessionária deverá realizar uma série de obras e melhorias ao longo de 30 anos.

“Serão aplicados cerca de R$ 13,9 bilhões, dos quais R$ 10 bilhões serão destinados para obras de melhoria da infraestrutura viária e R$ 3,9 bilhões para serviços operacionais”, explica Luciano Louzane, diretor superintendente da empresa.

Obras prioritárias
Entre as obras previstas, está a execução de 123 quilômetros de duplicações, 95 quilômetros de faixas adicionais, além da implantação e/ou adequação de 26 quilômetros de vias marginais nos trechos urbanos, uma demanda antiga da população. Serão construídos, ainda, 75 quilômetros de ciclovias e implantadas ou adequadas 42 passarelas. Outro importante investimento beneficia diretamente os usuários de caminhões, que representam 65% do tráfego no trecho: as rodovias vão contar com três Pontos de Parada e Descanso – um novo e outros dois ampliados - em locais estratégicos para que os profissionais possam fazer uma pausa segura em suas jornadas.

LEIA TAMBÉM: Governo federal avalia positivamente aumento de biodiesel no óleo diesel

Benefícios tarifários
Além da redução inicial das tarifas de pedágio atualmente em vigor (em média, uma queda de 9%), um desconto automático de 5% será concedido a todos os veículos que utilizarem pagamento eletrônico através de tags de diversas operadoras.

Para os veículos de passeio que acessarem as vias automáticas com tag válida, esse desconto de 5% se acumula com outro benefício bastante atrativo para quem trafega frequentemente pelas rodovias: o DUF - Desconto Usuário Frequente. O DUF será aplicado a partir da segunda passagem pela mesma praça, no mesmo sentido, dentro do mesmo mês. Os descontos são progressivos até a 30ª passagem e podem atingir até 95% do valor da tarifa.

Outra inovação na região é que a EcoNoroeste começará a concessão aceitando pagamento das tarifas por meio de cartões de débito e crédito, através de aproximação.

Inovações
O “Sistema Automático Livre” de pedagiamento é uma das inovações dessa concessão. As 10 praças que já existem nessa malha serão, gradativamente, desativadas e substituídas por 10 pórticos, o que deve ocorrer entre o 2° e o 7° ano de contrato. O sistema prevê que, ao passar pelos pórticos, a cobrança seja realizada através das tags/etiquetas eletrônicas instaladas nos veículos, sem a necessidade de paradas ou redução de velocidade. Na prática, esse modelo permite viagens mais rápidas, melhora a fluidez, reduz as chances de acidentes e contribui para o meio ambiente com a redução das emissões de CO².

LEIA TAMBÉM: Votação de MP sobre seguro de cargas põe transportadores em alerta

Entre as medidas de segurança viária, a concessionaria irá adotar a metodologia iRap (International Road Assessment Program) com foco na redução de acidentes e de risco de mortes nas rodovias, além de implantar um serviço de conectividade com o usuário via rede de dados sem fio ao longo das rodovias, conferindo maior segurança viária. Na área ambiental, a concessionária assume o compromisso de neutralizar as emissões de carbono relacionadas à operação.

Cobrança de motocicletas
A partir do dia 1º, o valor da tarifa para motos será 50% menor que a de carros de passeio. “Assim como os demais usuários, os motociclistas contam com toda a infraestrutura de monitoramento e suporte disponível nas rodovias para socorro mecânico, atendimento médico, entre outros”, explica o gerente de atendimento ao usuário da EcoNoroeste, Luiz Roberto Tavares. 

Estrutura de atendimento
Serão, ao todo, 17 bases de serviço de atendimento ao usuário, 40 viaturas circulando pelo trecho 24 horas, além de 300 câmeras espalhadas pelas rodovias. A concessionária vai trabalhar ainda num projeto de conectividade para garantir facilidade para acesso e contato com a concessionária de qualquer lugar da rodovia. Também estará disponível o serviço de atendimento via WhatsApp, a partir de 1º de maio, podendo ser acessado pelo mesmo número do telefone de emergência, o 0800 326 3663. Através desse canal de atendimento, será possível pedir informações de trânsito, ver valores do pedágio e pedir socorro, se necessário.

Usamos cookies e tecnologias semelhantes para melhorar sua experiência, analisar estatísticas e personalizar a publicidade. Ao prosseguir no site, você concorda com esse uso, em conformidade com a Política de Privacidade.
Aceitar
Gerenciar