Ibovespa
129.465,41 pts
(0,27%)
Dólar comercial
R$ 5,48
(1,00%)
Dólar turismo
R$ 5,69
(0,98%)
Euro
R$ 6,00
(1,33%)

Assinatura de ordem de serviço dá início à revisão do Plano Diretor de Suape

Serviços serão executados num prazo de 15 meses; investimento total do projeto é de R$ 6,8 milhões
Por Redação em 4 de fevereiro de 2022 às 13h00
Assinatura de ordem de serviço dá início à revisão do Plano Diretor de Suape

O Complexo Industrial Portuário de Suape (PE) assinou, na última segunda-feira, dia 31 de janeiro, a ordem de serviço para o início dos estudos técnicos multidisciplinares, elaboração da revisão e atualização do Plano Diretor Suape 2030. O serviço será comandado pelo consórcio formado pelas empresas TPF e Ceplan, vencedor da licitação.

A iniciativa tem o objetivo de revisitar todo o planejamento físico-territorial e estratégico da empresa frente às novas demandas do mercado e aos desafios impostos pelo atual cenário econômico. Os serviços serão executados em 15 meses e o investimento total do projeto é de R$ 6,8 milhões.

O Plano Diretor Suape 2030 foi elaborado em 2011, depois de o Complexo Industrial Portuário registrar o período de maior progresso de sua história. Na ocasião, o governo estadual havia anunciado aportes de recursos em investimentos da ordem de R$ 710 milhões. Esse volume era superior aos cerca de R$ 643 milhões já investidos desde a criação de Suape.

Porém, com a crise econômica instalada a partir de 2014, Pernambuco sofreu forte redução nas transferências federais, além de maior limitação de acesso ao crédito. Outras variáveis, como queda no PIB e alta no desemprego, mudaram alguns dos cenários previstos. Com isso, muitos planos e investimentos esperados ou iniciados não chegaram a ser concluídos ou retomados.

Agora, Suape promoverá a revisão crítica e a atualização dos instrumentos de planejamento, tomando por base o conjunto de novos desafios, novas variáveis e perspectivas para a economia nacional, regional e local para os próximos anos. Em particular, a revisão do zoneamento atual do complexo, incluindo a atualização do layout portuário frente às novas tecnologias e inovações previstas para o setor, a exemplo da produção de hidrogênio verde.

Para o representante da TPS, o engenheiro João Recena, o Plano Diretor auxiliará Suape na atração de futuros negócios. “Um dos grandes desafios é a questão econômica. É necessário pensar que tipo de indústria Suape espera poder atrair e atuar de forma ordenada para isso. Uma alternativa é pensar, por exemplo, na integração de Suape com o projeto do Arco Metropolitano. Talvez aí estejam locais que possam servir de áreas satélites para Suape, já que há uma dificuldade para encontrar novos terrenos”, explica o consultor.

Já o representante da Ceplan, Jorge Jatobá, aposta que o fortalecimento do diálogo com os empresários facilitará a prospecção de novos empreendimentos. “É importante que haja equilíbrio nas esferas econômica, ambiental e social, mas é fundamental aumentar a interlocução com o empresariado. Precisamos estimular essa voz institucional de Suape para não criarmos desequilíbrios. Suape é um complexo industrial portuário e é muito importante escutá-los, estreitando sempre essa relação para o melhor direcionamento dos negócios”.

Toda a gestão dos trabalhos é conduzida pela equipe da Diretoria de Planejamento e Gestão de Suape. Ao final do processo, são esperados, ao menos, 13 produtos, que incluem atualização e complementação do cadastro das empresas, diagnóstico situacional, leitura da realidade, cenários alternativos, construção da visão de futuro, com plano urbanístico e atualização do layout portuário, entre outros relatórios que vão embasar o documento final.

“O cronograma será dividido em sete etapas, que começam com as atividades preliminares e incluem mobilização social, preparação de um plano de comunicação, diagnóstico situacional, prospecção de futuro, análises temáticas prospectivas, elaboração do plano propriamente dito e aprovação do corpo de diretores de Suape”, salienta o diretor de Planejamento e Gestão, Francisco Martins.

Usamos cookies e tecnologias semelhantes para melhorar sua experiência, analisar estatísticas e personalizar a publicidade. Ao prosseguir no site, você concorda com esse uso, em conformidade com a Política de Privacidade.
Aceitar
Gerenciar