Ibovespa
129.558,62 pts
(0,42%)
Dólar comercial
R$ 4,96
(-0,36%)
Dólar turismo
R$ 5,16
(-0,28%)
Euro
R$ 5,37
(-0,02%)

Mercado argentino de veículos comerciais pesados registra queda de 5,2% nas vendas em 2023

Foram vendidas 11.144 unidades no acumulado do ano
Por Redação em 8 de novembro de 2023 às 10h47
Mercado argentino de veículos comerciais pesados registra queda de 5,2% nas vendas em 2023
Foto: Reprodução/Pixabay
Foto: Reprodução/Pixabay

O mercado argentino de veículos comerciais pesados encerrou o terceiro trimestre do ano com o total de 11.144 unidades vendidas, o que representa queda de 5,2% em comparação com 11.757 veículos faturados em igual período de 2022. Os dados são da Associação dos Concessionários de Automotores da República Argentina (Acara).

Com 4.199 unidades comercializadas de janeiro a setembro deste ano e crescimento de 16,0% acima dos 3.620 veículos do mesmo período do ano anterior, a Iveco lidera as vendas. A marca italiana foi a única que apresentou crescimento nas vendas durante o período.

Em segundo lugar a aparece a Mercedes-Benz, com 4.100 unidades, 11,1% a menos do que em 2022 (4.614 unidades), seguida da Scania, com 1.107 veículos, 18,5% menos do que os 1.359 do mesmo período do ano passado.

Ainda de acordo com a Acara, entre os dez caminhões mais vendidos, a Iveco lidera com o modelo 170E e ocupa a quinta posição com o Stralis, mas a Mercedes-Benz, com ampla linha de produtos, ocupa as demais oito posições entre os dez mais vendidos.

Líder de vendas, o caminhão Iveco 170E registrou vendas de 1.320 unidades, com queda de 19,1% em comparação com as 1.631 unidades faturadas nos primeiros nove meses do ao anterior.

 

Usamos cookies e tecnologias semelhantes para melhorar sua experiência, analisar estatísticas e personalizar a publicidade. Ao prosseguir no site, você concorda com esse uso, em conformidade com a Política de Privacidade.
Aceitar
Gerenciar