Ibovespa
129.558,62 pts
(0,42%)
Dólar comercial
R$ 4,96
(-0,36%)
Dólar turismo
R$ 5,16
(-0,28%)
Euro
R$ 5,37
(-0,02%)

Crise global afeta produção automotiva na Europa e gera impacto na logística da cadeia de suprimentos

Tesla e Volvo suspendem produção em fábricas na Bélgica e Alemanha devido à escassez de componentes cruciais
Por Redação em 30 de janeiro de 2024 às 5h16
Crise global afeta produção automotiva na Europa e gera impacto na logística da cadeia de suprimentos
Foto: Divulgação/Volvo
Foto: Divulgação/Volvo

As montadoras Tesla e Volvo enfrentam interrupções nas linhas de produção em suas fábricas na Europa devido à escassez de peças essenciais, provocando uma pausa temporária nas operações.

Falta de Componentes Essenciais Atinge a Produção
A Tesla planeja suspender a produção por duas semanas, citando dificuldades no suprimento causadas pelo transporte prolongado, que resultou em lacunas nas cadeias de abastecimento. Enquanto isso, a Volvo anunciou uma paralisação em suas instalações na Alemanha devido à mesma razão.

Crise Global Impacta Múltiplos Setores
Essas interrupções na indústria automotiva destacam uma crise mais ampla que afeta diversos setores, uma combinação das mudanças climáticas e tensões geopolíticas que perturbam o transporte de mercadorias em todo o mundo.

Rotas de Navegação Cruciais Comprometidas
A crise é agravada pela situação em duas das rotas de navegação mais importantes do mundo. O Canal do Panamá reduziu as travessias em 40% devido à seca severa, enquanto o Canal de Suez enfrenta instabilidade devido aos ataques do grupo rebelde Houthi.

Desafios na Logística Global
Arash Azadegan, vice-presidente do departamento da Rutgers Business School, observa que a interação entre essas crises afeta a logística global, com empresas buscando rotas alternativas e enfrentando custos adicionais significativos.

Lições a Serem Aprendidas
Nada Sanders, professora de gestão da cadeia de suprimentos na Northeastern University, destaca a necessidade de encontrar soluções para essas crises, enfatizando a importância das rotas de navegação e a busca por alternativas viáveis.

A crise atual expõe a vulnerabilidade das cadeias de suprimentos globais e a necessidade de investimentos em infraestrutura para garantir a resiliência no futuro.

*Com informações de Fast Company Brasil.


LEIA TAMBÉM:

Usamos cookies e tecnologias semelhantes para melhorar sua experiência, analisar estatísticas e personalizar a publicidade. Ao prosseguir no site, você concorda com esse uso, em conformidade com a Política de Privacidade.
Aceitar
Gerenciar