Ibovespa
124.840,33 pts
(-0,39%)
Dólar comercial
R$ 5,26
(1,46%)
Dólar turismo
R$ 5,49
(1,69%)
Euro
R$ 5,59
(1,45%)

Lwart assume logística reversa do óleo lubrificante das concessionárias John Deere

Processo inclui coleta e rerrefino todo o óleo lubrificante usado ou contaminado das 300 concessionárias John Deere no Brasil
Por Redação em 31 de julho de 2023 às 9h06
Lwart assume logística reversa do óleo lubrificante das concessionárias John Deere
Foto: Divulgação / Lwart
Foto: Divulgação / Lwart

A Lwart Soluções Ambientais será a parceira oficial na logística reversa da John Deere, empresa global de equipamentos agrícolas e de construção. A parceria irá garantir a coleta e destinação correta do óleo lubrificante usado e contaminado pela empresa, e tem como objetivo avançar em sua agenda sustentável, implementando a gestão do resíduo pós-consumo de forma ambientalmente correta.

O portfólio da John Deere inclui equipamentos como tratores, pulverizadores e colhedoras, cujo funcionamento exige a utilização de óleo lubrificante para redução de atrito entre as peças e resfriamento do motor. Nesse sentido, a manutenção e troca do óleo é fundamental para evitar desgastes prematuros, corrosão e, principalmente, assegurar o funcionamento apropriado do motor, sistema hidráulico e demais componentes-chaves da máquina.

O óleo lubrificante usado ou contaminado, conhecido como OLUC, é um resíduo perigoso que deve ser separado e gerenciado de forma adequada. A legislação brasileira determina que o OLUC deve ser coletado e destinado para o rerrefino, proibindo taxativamente o uso do resíduo como combustível, destinação para queima ou para quaisquer outros fins.

A colaboração entre as duas empresas possibilitará a destinação correta de todo o volume de OLUC das máquinas levadas para manutenção nas mais de 300 concessionárias brasileiras da John Deere. A Lwart possui 18 centros de coleta espalhados por todo o Brasil, que servirão como base para o armazenamento do resíduo proveniente das concessionárias.

Em seguida, o material será levado à matriz da Lwart localizada em Lençóis Paulista/SP para rerrefino. Uma vez concluído o processo, o material retornará para o mercado em forma de óleo básico de alta performance, matéria prima, que posteriormente será aditivada voltando a ser óleo lubrificante.

“O agronegócio é um dos principais impulsionadores da economia brasileira e isso se deve, em parte, à alta produtividade combinada com os incrementos tecnológicos usados no campo. A Lwart busca ampliar sua agenda estratégica focada na sustentabilidade, uma pauta essencial para o crescimento responsável e comprometido”, explica Rodrigo Maia, Diretor de Coleta e Logística da Lwart Soluções Ambientais.

O processo de rerrefino do OLUC coletado é feito para aproveitar toda a matéria-prima. Isso significa que, além de extrair o óleo básico mineral, o processo trata também a água presente no resíduo e ainda transforma suas frações em subprodutos que também retornam à cadeia produtiva.

 

LEIA TAMBÉM:

Usamos cookies e tecnologias semelhantes para melhorar sua experiência, analisar estatísticas e personalizar a publicidade. Ao prosseguir no site, você concorda com esse uso, em conformidade com a Política de Privacidade.
Aceitar
Gerenciar