Ibovespa
129.558,62 pts
(0,42%)
Dólar comercial
R$ 4,96
(-0,36%)
Dólar turismo
R$ 5,16
(-0,28%)
Euro
R$ 5,37
(-0,02%)

DHL Supply Chain anuncia política global de transporte verde com investimento bilionário em alternativas sustentáveis

Compromisso da empresa inclui a transição de 2 mil veículos e um investimento global de 200 milhões de euros nos próximos três anos. Iniciativa visa reduzir quase 300 mil toneladas de emissões de CO²
Por Redação em 11 de dezembro de 2023 às 10h56
DHL Supply Chain anuncia política global de transporte verde com investimento bilionário em alternativas sustentáveis
Foto: Divulgação/DHL
Foto: Divulgação/DHL

A DHL Supply Chain está dando um passo significativo em direção à sustentabilidade com a implementação de uma Política Global de Transporte Verde. A iniciativa reflete o compromisso da empresa em investir em soluções de transporte descarbonizadas, alinhadas com seu Plano Geral de Sustentabilidade do Grupo.

O principal objetivo da política é realizar reduções substanciais nas emissões de carbono, reconhecendo que os serviços de transporte são um dos principais contribuintes para a pegada de emissões da empresa. A política oferece orientações sobre as alternativas mais ecológicas, considerando fatores como disponibilidade, infraestruturas e custos por mercado ou país.

Como ação inicial, a DHL Supply Chain planeja a transição de cerca de 2 mil veículos de motores de combustão convencional em todo o mundo para alternativas mais sustentáveis, como hidrogênio, biogás, eletricidade ou óleo vegetal tratado com hidrogênio. Nos próximos três anos, a empresa se comprometeu com um investimento adicional global de 200 milhões de euros em alternativas aos combustíveis fósseis.

Esta iniciativa ambiciosa visa reduzir quase 300 mil toneladas de emissões de CO², representando um marco importante em direção à sustentabilidade ambiental e à redução das emissões de carbono da empresa. Essas reduções equivalem a compensar as emissões de CO² de 2.200 caminhões que percorrem 500 quilômetros por dia ao longo de um ano.

A nova política abrange investimentos em 17 países com as maiores pegadas de emissões, incluindo o Brasil. Oscar de Bok, CEO da DHL Supply Chain, destaca a ambição da empresa em ter 30% de unidades e combustíveis sustentáveis em sua frota própria até o final de 2026, estabelecendo um novo padrão na indústria e reforçando o compromisso com as gerações futuras.

Na América Latina, a DHL Supply Chain já anunciou um investimento de 500 milhões de euros em um plano de cinco anos, que inclui projetos de descarbonização da frota regional por meio de alternativas mais verdes. Atualmente, mais de 160 veículos operam com alternativas ecológicas na região, sendo 85 deles no Brasil.

Usamos cookies e tecnologias semelhantes para melhorar sua experiência, analisar estatísticas e personalizar a publicidade. Ao prosseguir no site, você concorda com esse uso, em conformidade com a Política de Privacidade.
Aceitar
Gerenciar