Ibovespa
130.031,58 pts
(0,09%)
Dólar comercial
R$ 4,94
(0,13%)
Dólar turismo
R$ 5,14
(0,12%)
Euro
R$ 5,34
(0,22%)

Cattalini Terminais Marítimos anuncia adoção de energia solar sustentável no Porto de Paranaguá

Usinas fotovoltaicas fornecem energia limpa, reduzindo emissões de CO2 e promovendo economia no setor de granéis líquidos
Por Redação em 12 de janeiro de 2024 às 11h07
Cattalini Terminais Marítimos anuncia adoção de energia solar sustentável no Porto de Paranaguá
Foto: Divulgação/Cattalini Terminais Marítimos
Foto: Divulgação/Cattalini Terminais Marítimos

A Cattalini Terminais Marítimos está na vanguarda da inovação ao implementar uma solução energética que une sustentabilidade e eficiência econômica no Porto de Paranaguá, no Paraná. O destaque do projeto são duas usinas fotovoltaicas, compostas por cerca de 400 módulos solares, estrategicamente instaladas nas áreas da empresa. Essas usinas fornecem energia limpa para o pátio privado de caminhões, com capacidade para 450 veículos, resultando em uma redução significativa de mais de 10 toneladas de CO2 lançadas no meio ambiente anualmente, conforme levantamento dos engenheiros responsáveis.

As usinas, com potência instalada de 224 KW, têm a capacidade de produzir 20 mil Kwh/mês, equivalente ao abastecimento de 130 residências de médio porte. O excedente gerado pelos painéis solares é redirecionado para o píer privado da Cattalini, ampliando ainda mais o alcance da energia renovável.

Iniciado em agosto de 2023, o projeto já apresenta resultados significativos. Weder Pozza, Gerente de Manutenção da Cattalini Terminais, destaca que todo o consumo elétrico do Píer Privado Cattalini e do pátio de caminhões será gerado pelas usinas solares, resultando em benefícios de sustentabilidade e uma redução estimada de R$ 231.314,00 nos custos de energia elétrica anuais.

Luiz Fernando Garcia, diretor-presidente da Portos do Paraná, elogia a ação da Cattalini Terminais como um exemplo de empresa sustentável, alinhada ao modelo de gestão adotado pela autoridade portuária. Destaca ainda que a iniciativa está em sintonia com as práticas socioambientais incentivadas pela Portos do Paraná.

Além do impacto positivo na redução de emissões de CO2, a Cattalini Terminais Marítimos reforça seu compromisso ambiental ao ser signatária do Movimento Ambição Net Zero, uma iniciativa da Organização das Nações Unidas que busca a redução de 2 Giga toneladas de CO2e em emissões acumuladas até 2030, visando um futuro carbono neutro.

Gabriella Rodrigues Leal da Silva, Coordenadora de Saúde, Segurança, Proteção Ambiental e Qualidade (SSPAQ), enfatiza que as usinas fotovoltaicas são parte de um projeto estratégico que posiciona a Cattalini como uma empresa sustentável, comprometida com a redução dos gases de efeito estufa por meio de ações e soluções sustentáveis.

Lucas Teruo Andrade, Encarregado de Manutenção Elétrica, destaca a eficiência energética e a otimização do espaço ocupado como pilares do projeto. Os resultados positivos incentivam a empresa a considerar a expansão do número de módulos, visando atender outras instalações da Cattalini com energia solar no futuro.

Usamos cookies e tecnologias semelhantes para melhorar sua experiência, analisar estatísticas e personalizar a publicidade. Ao prosseguir no site, você concorda com esse uso, em conformidade com a Política de Privacidade.
Aceitar
Gerenciar