Ibovespa
129.200,70 pts
(0,25%)
Dólar comercial
R$ 5,48
(0,91%)
Dólar turismo
R$ 5,68
(0,66%)
Euro
R$ 5,99
(1,21%)

Porto Sudeste obtém certificação de energia renovável e compensa emissões de CO2

Terminal portuário zera emissões de escopo 2 em 2023 com Certificado I-REC
Por Redação em 3 de julho de 2024 às 7h20
Porto Sudeste obtém certificação de energia renovável e compensa emissões de CO2
Foto: Divulgação/Porto Sudeste
Foto: Divulgação/Porto Sudeste

O Porto Sudeste, localizado na região de Itaguaí, conquistou o certificado I-REC, comprovando o uso exclusivo de energia renovável em suas operações. A certificação, adquirida por meio da Comerc Energia, confirma que 100% da energia consumida no terminal provém de fontes renováveis, reforçando o compromisso da empresa com a sustentabilidade e a redução da pegada de carbono.

"Nossa atuação é pautada pela responsabilidade socioambiental. Garantir que toda a energia utilizada é limpa e renovável representa um avanço na nossa jornada de descarbonização e combate às mudanças climáticas", afirma Ulisses Oliveira, diretor de assuntos corporativos e sustentabilidade do Porto Sudeste.

A aquisição dos I-RECs é parte da estratégia climática da empresa e seu compromisso com a economia de baixo carbono. A iniciativa complementa outras ações implementadas para mitigar impactos ambientais, especialmente relacionados às mudanças climáticas. Com o investimento, o Porto Sudeste compensou 2.482 toneladas de emissões de CO2, zerando as emissões de Escopo 2. A meta da empresa é reduzir em 50,4% as emissões de gases de efeito estufa (GEE) dos escopos 1 e 2 até 2033, tomando 2021 como ano base.

Entendendo o I-REC
O International REC Standard (I-REC) é um sistema global que permite o comércio de certificados de energia renovável, funcionando como uma garantia de origem da energia consumida por uma empresa. As fontes que se enquadram nessa categoria incluem eólica, solar, hídrica e biomassa, todas com emissão de carbono zero.

A certificação I-REC é utilizada para contabilizar as emissões de escopo 2, seguindo padrões internacionais rigorosos. Cada I-REC equivale a 1 MWh de energia renovável, neutralizando as emissões de gases de efeito estufa originadas do consumo de energia elétrica. Em média, cada MW de energia elétrica consumido equivale à emissão de 540 toneladas de CO2.

Usamos cookies e tecnologias semelhantes para melhorar sua experiência, analisar estatísticas e personalizar a publicidade. Ao prosseguir no site, você concorda com esse uso, em conformidade com a Política de Privacidade.
Aceitar
Gerenciar