Ibovespa
124.305,57 pts
(-0,34%)
Dólar comercial
R$ 5,17
(0,27%)
Dólar turismo
R$ 5,37
(0,22%)
Euro
R$ 5,61
(0,64%)

Greenbrier Maxion desenvolve vagões tanque para a FS

Fabricante vai fornecer 80 equipamentos do modelo TCT, que serão utilizados para ampliar o uso do modal ferroviário no transporte de etanol
Por Redação em 23 de janeiro de 2023 às 14h20 (atualizado às 14h23)
Greenbrier Maxion desenvolve vagões tanque para a FS

A Greenbrier Maxion anunciou a fabricação de 80 vagões tanque para a FS, empresa que atua nos setores de etanol, nutrição animal e bioenergia. Em um modelo de negócio inédito para as empresas, a FS adquiriu os vagões para aportar a capacidade no sistema de escoamento de biocombustível e a Rumo fará o transporte. A parceria vai ampliar o uso do modal ferroviário, elevando o volume transportado de 50 milhões para 75 milhões de litros de etanol ao mês.  

Fabricado em aço de baixa liga estrutural, com alta resistência mecânica e à corrosão atmosférica, o vagão TCT fornecido à FS tem capacidade de 105 mil litros, um aumento de 2 mil litros em relação ao modelo anterior, e foi projetado para carregamento superior e descarregamento inferior, com descarga central.

Leia mais: FS e VLI iniciam transporte de etanol de milho para o Porto de Itaqui

Eles são equipados com engate tipo "E" Double Shelf com haste "F", com operação rotativa inferior, mais robusto e antidesacoplamento, e com válvula sensora de carga. Outro diferencial dos vagões é o truque tipo Motion Control, desenvolvido especificamente para as condições operacionais e de via permanente das ferrovias brasileiras, proporcionando, por meio da otimização do comportamento dinâmico do vagão, um aumento significativo da segurança operacional e vida útil dos componentes, além da redução no custo de manutenção. 

Luis Gustavo Rocha Vilas Boas, diretor de Vendas e Marketing da Greenbrier Maxion, destaca a importância da parceria entre indústria, operadora e usuário final na aquisição de material rodante. “Os vagões foram desenvolvidos com tecnologia de ponta, inovação e toda expertise da área de engenharia, atendendo às especificações técnicas da FS e da Rumo, proporcionando redução de custo, eficiência energética e produtividade para todo o ciclo, tornando assim o transporte ferroviário de carga mais competitivo e sustentável”, observa. 

Operação 

A operação de transporte com os novos vagões, que deve ser iniciada entre janeiro e abril de 2023, irá escoar 45% da produção da FS por ferrovias na rota entre Lucas do Rio Verde e Sorriso (MT) até Paulínia (SP). Dos 1,5 bilhão de litros de etanol produzidos anualmente pela FS, cerca de 50% têm como destino essas regiões. Além da economia de custos, a operação também reduzirá as emissões de carbono do transporte em 50%, substituindo 15 mil viagens de caminhões por ano nas estradas.  

“A ampliação da nossa capacidade de transporte ferroviário está alinhada com a estratégia da FS de buscar atender os mercados com a máxima eficiência logística e menor pegada ambiental”, afirma o CEO da FS, Rafael Abud. 

Leia mais: Greenbrier Maxion promove visita à fábrica de Hortolândia

O etanol, que sai das unidades no Mato Grosso, seguirá em rota rodoviária até Rondonópolis (MT) e de lá para Paulínia em linha férrea, passando pelo estado do Mato Grosso do Sul e atravessando o estado de São Paulo até chegar ao principal mercado consumidor de combustíveis do país, percorrendo aproximadamente 1.200 km. A Rumo já transporta aproximadamente 45% do volume de diesel do estado de Mato Grosso. Em 2022, a operação registrou um aumento de mais de 20% no transporte de biocombustíveis.  

De acordo com o vice-presidente Comercial da Rumo, Pedro Palma, os vagões de combustíveis rodam praticamente cheios o tempo todo. “Os fluxos são planejados para a melhor eficiência logística. O vagão investido pela FS vai no sentido Mato Grosso-Paulínia e retorna com derivados de petróleo para serem distribuídos por todo estado”, destaca. 

Usamos cookies e tecnologias semelhantes para melhorar sua experiência, analisar estatísticas e personalizar a publicidade. Ao prosseguir no site, você concorda com esse uso, em conformidade com a Política de Privacidade.
Aceitar
Gerenciar