Quinta-feira, 14 de janeiro de 2010 - 11h37
Vale e Bunge fecham contrato para o transporte de álcool

Acordo prevê movimentação de até 200 milhões de litros por ano

A Vale assinou com a Bunge um contrato de 11 anos para o transporte de até 200 milhões de litros de álcool por ano pela Ferrovia Norte Sul (FNS) com o objetivo de atender aos clientes do estado do Tocantins. Com a nova parceria, a Vale expandirá o volume anual de carga geral movimentado e, ao mesmo tempo, irá gerar mais competitividade para a região. Os estados do Pará e do Maranhão também serão abastecidos graças ao acordo.

A iniciativa também trará benefícios ao tráfego. Isso porque, a nova opção logística para escoamento das cargas permitirá a retirada de cerca 700 caminhões por mês das estradas brasileiras. O álcool será produzido pela Bunge em sua usina de Pedro Afonso, no Tocantins, para o abastecimento, via ferrovia, dos mercados interno e externo. O álcool sairá do terminal da Bunge no município de Tupirama e será levado, via Ferrovia Norte Sul, até São Luis, de onde será exportado pelo Porto do Itaqui. Para o transporte entrarão em operação, inicialmente, 25 vagões-tanque.

Segundo o diretor de Comercialização de Logística da Vale, Marcello Spinelli, o objetivo da companhia é criar uma alternativa competitiva para os clientes, que enxergam na FNS um importante corredor logístico para o escoamento de suas cargas.

A ferrovia

Até o terminal de Guaraí (TO) a Ferrovia Norte Sul completará 564 km de extensão. O corredor de transporte que surgirá com a conclusão da FNS até Palmas (que terá 720 km) compreenderá os estados do Maranhão e Tocantins e ampliará a área de influência da Vale na região, com atendimento a outros estados, como Goiás, Bahia e Mato Grosso.

Além de contribuir para fomentar o agronegócio, a FNS representa uma logística competitiva para grãos (soja, arroz e milho), carnes (suína, bovina e aves), combustíveis (álcool, biodiesel, diesel e gasolina), fertilizantes, madeira, celulose e cimento. A ferrovia contribuirá também para o desenvolvimento portuário, decorrente do crescimento da movimentação de produtos exportados e importados.

www.vale.com