Sexta-feira, 22 de julho de 2016 - 15h41
Posidonia Shipping se associa à Usuport-RJ
A entidade aposta que a nova associada trará mais conhecimento e elevará o nível técnico das discussões acerca da defesa dos interesses dos usuários

A Posidonia Shipping, empresa de navegação nacional, passou a fazer parte da Associação dos Usuários dos Portos do Rio de Janeiro (Usuport-RJ). A entidade aposta que a nova associada trará mais conhecimento e elevará ainda mais o nível técnico das discussões acerca da defesa dos interesses dos usuários frente aos armadores transnacionais e na defesa da bandeira brasileira de navegação.

Entre os desafios dos usuários está a regulação dos armadores estrangeiros de forma a obter mais equilíbrio de mercado, transparência e permitir condições leais de concorrência com as empresas brasileiras de navegação. Abrahão Salomão, sócio da Posidonia, vê com preocupação a baixa quantidade de navios efetivamente brasileiros. “O Brasil perdeu o bonde para a disputa no comércio internacional de contêineres, mas ainda dá tempo de entrar no páreo na movimentação de carga geral e a granel”, diz.

posidoniaO executivo acrescenta que a Lei 10.233, de 2001, que criou a Agência Nacional de Transportes Aquaviários (Antaq), determina que a política de navegação seja voltada para o incremento da indústria naval. Salomão conta que a Posidonia acompanha o trabalho da Usuport-RJ desde o início e ressalta que a missão é importante porque toda sociedade sofre efeitos do trânsito de mercadorias.

Para o diretor-presidente da Usuport-RJ, André de Seixas, os diálogos que vinham acontecendo com a Posidonia revelaram grande sinergia com a associação na tentativa de solucionar problemas junto à agência reguladora. A empresa de navegação será uma associada da categoria de Prestadores de Serviços Acessórios ao Comércio Exterior.

A Usuport-RJ é uma entidade sem fins lucrativos que atua em benefício dos embarcadores, exportadores e importadores donos de cargas. A associação propõe melhorias em infraestruturas públicas e privadas, defesa e aperfeiçoamento dos marcos regulatórios existentes e a representatividade dos donos de cargas perante as autoridades e os agentes econômicos da cadeia de logística nacional e internacional, assim como seus pares em outros estados, a Usuport-BA e a Usuport-SC.