Terça-feira, 21 de maio de 2019 - 11h26
GS1 Brasil disponibiliza Laboratório de Serviço de Qualidade de Dados
Localizada em São Paulo, estrutura conta com equipamentos de medição, pesagem e qualificação de dados de produtos

A Associação Brasileira de Automação-GS1 Brasil inaugurou, neste mês de maio, em São Paulo, o Laboratório de Serviço de Qualidade de Dados. O local conta com equipamentos de medição, pesagem e qualificação de dados de produtos para atender aos mais diversos setores da indústria. O serviço chega para oferecer à cadeia de abastecimento uma plataforma unificada de dados a fim de elevar o padrão de serviços de informação e logística.

Com a abertura da estrutura, as indústrias contam agora com serviços que se iniciam desde a fotografia das embalagens de seus produtos até a qualificação das informações deles em uma plataforma que pode ser acessada a partir de qualquer dispositivo, a qualquer momento. “Montamos um laboratório baseado em padrões internacionais para identificação de produtos e certificação de códigos padrão GS1 que beneficia indústria, distribuidores e atacadistas, varejo e consumidor, hoje mais exigente e conectado”, afirma o presidente da Associação Brasileira de Automação-GS1 Brasil, João Carlos de Oliveira. Ainda segundo ele, as informações confiáveis aprimoram a experiência do consumidor e do varejo, o que aumenta a eficiência da cadeia de consumo.

A qualidade dos dados trafegados pelos sistemas de automação de toda a cadeia de abastecimento é fator fundamental para melhoria das informações existentes entre indústria e varejo. “O serviço de qualidade de dados de produtos auxilia as empresas brasileiras a terem informações qualificadas para o trânsito em seus sistemas. É possível inclusive a emissão de documentos fiscais com dados mais assertivos nas questões regulatórias, como NCM e CEST, por exemplo”, explica Oliveira.

O serviço permite, também, não apenas agilidade, mas também segurança entre parceiros comerciais e apresenta cinco características do cadastro – completo, consistente, acurado, atualizado e padronizado. Essas regras são cumpridas por uma equipe de especialistas certificados internacionalmente, que avalia e mensura a consistência e a padronização dos dados, além de verificar desde a autenticidade do código de barras padrão GS1 até a análise de dimensões dos produtos.