Quarta-feira, 19 de junho de 2019 - 10h53
Volvo amplia serviços para transportadores com operações vocacionais
Montadora investe no pós-venda, reforça atendimento personalizado e amplia programa de manutenção

A Volvo está ampliando sua oferta de serviços ao transportador a fim de garantir mais disponibilidade aos caminhões. A ação consiste em investir no pós-venda junto com a rede de concessionários para agilizar a manutenção dos veículos em operações vocacionais.

Diferentes do transporte rodoviário, as operações vocacionais são geralmente mais severas e fechadas, muitas vezes rodando 24 horas por dia, sete dias por semana. “Na maior parte das vezes elas exigem um planejamento mais refinado das manutenções e das paradas para reparos, para garantir mais disponibilidade”, diz o gerente de Pós-Venda da Volvo no Brasil, Carlos Banzzatto.

Para reforçar o atendimento especial, a Volvo reforça também a cobertura do programa de manutenção Ouro para aplicações vocacionais. Com toda a manutenção preventiva e corretiva, o plano Ouro prevê uma customização para cada cliente e planejamento para uma operação e frota específicas.

Divulgação
Divulgação

Dependendo do porte do cliente e do tamanho da frota, a Volvo e a rede de concessionárias também pode implementar uma estrutura física de atendimento dentro da operação do transportador, com serviços de mão de obra, estoque e gestão de peças, boxes e valas para manutenção. Trata-se de uma espécie de posto avançado da marca, normalmente criado para operações maiores, com grandes quantidades de veículos.

Outro serviço são as oficinas volantes das concessionárias. Um caminhão VM baú com um mecânico treinado pela fábrica e equipado com o ferramental de uma oficina tradicional percorre as operações do cliente com uma agenda e rota previamente definidas, fazendo toda a manutenção básica e preventiva, como troca de óleos e de filtros. “É uma estrutura itinerante da concessionária. O objetivo é também garantir maior disponibilidade da frota, para que o caminhão passe o menor tempo possível parado em manutenção”, pontua o gerente Comercial de Caminhões Volvo, Clóvis Lopes.