Quinta-feira, 27 de junho de 2019 - 10h10
Estudo da FreteBras apresenta dados de demanda por fretes
Análise aponta o estado de São Paulo como principal polo; Região Sul apresenta crescimento contínuo

A FreteBras, empresa que disponibiliza uma plataforma online para divulgação de fretes e contratação de caminhoneiros, realizou um estudo com dados da sua base de informações. A análise permite um entendimento do cenário do transporte e proporciona maior apoio às tomadas de decisão no setor.

De acordo com estudo, São Paulo é o estado com maior demanda de frete no país. Ele mostra que desde o começo do ano a cidade já realizou mais de 18,07% dos fretes para diversas regiões do Brasil e da América Latina. Em segundo lugar aparece o estado do Paraná, com 17,12%. Completando a lista aparecem os estados de Minas Gerais, com 11,37%, Rio Grande do Sul, com 11,30%, e Mato Grosso, com 9,70% dos fretes.

No comparativo entre as regiões, a maior demanda vem do Sul do país, com mais de 33,89% dos fretes, seguida pela Região Sudeste, com 32,02%, Centro-Oeste, com 22,62%, Nordeste, com 9,84%, e a Região Norte, com 1,63%. De acordo com a análise divulgada pela FreteBras, em seis meses já foram realizados mais de 1 milhão de fretes para todo o Brasil e a América Latina.

O gerente de Novos Negócios na FreteBras, Bruno Hacad, explica que por São Paulo ser a maior cidade do país e onde o dinheiro gira, é natural ter uma demanda maior nos fretes. Ele constata, contudo, que é possível perceber que por região o Sul vem apresentando índices de crescimento bastante significativos.

Outro dado explorado foram os tipos de veículos mais utilizados pelos motoristas. Os do segmento pesado são os mais dirigidos, com 52,09%, seguidos pelos veículos médios, com 32,03%, e pelos leves, com 14,08%. Já entre os modelos, o truck aparece em primeiro lugar com 28,03%, seguido da carreta LS, com 21,09%, das carretas, com 18,07%, bitrem, com 7,08%, e o VLC, com 6,06%.