Terça-feira, 18 de fevereiro de 2020 - 16h40
Avery Dennison terá fábrica de etiquetas de RFID no Brasil
Planta da companhia situada no interior de São Paulo deve ser inaugurada em 2021

A Avery Dennison, companhia sediada na Califórnia, Estados Unidos, e que atua globalmente no mercado de materiais para rotulagem e identificação, acaba de anunciar que vai implantar sua primeira fábrica no Brasil, localizada na cidade de Vinhedo, interior do estado de São Paulo. A nova planta, que deve ser inaugurada em 2021, é a quinta da Avery Dennison no mundo e será focada em soluções de identificação por radiofrequência (RFID, na sigla em inglês para radio frequency identification).

Na estrutura serão fabricadas soluções em uma ampla variedade de designs.  A companhia mantém parcerias com as empresas Impinj e NXP para o desenvolvimento de etiquetas de RFID de nível internacional e incorpora as mais recentes tecnologias de chips em seus produtos. De acordo com a própria Avery Dennison, a implantação da nova unidade foi motivada pelas projeções de crescimento da aplicação da tecnologia de RFID no mercado.

Há alguns meses, a companhia assinou um acordo para a aquisição da divisão da multinacional holandesa Smartrac responsável pelos negócios relacionados a RFID. Com a conclusão da negociação, essa área representará uma plataforma global com mais de US$ 500 milhões em receita dentro da Avery Dennison, e a previsão é que o negócio apresente crescimento e lucratividade acima da média da companhia no longo prazo.

“Estamos muito orgulhosos em anunciar esse investimento no país, pois representa um passo importante para o crescimento da indústria 4.0 não só aqui como também em toda a América do Sul”, destaca Ronaldo Mello, vice-presidente e gerente geral da Avery Dennison na América Latina. De acordo com o executivo, a tecnologia de RFID aumenta a precisão das informações relativas ao estoque, melhora a agilidade da cadeia de suprimentos e aumenta a visibilidade em todos os canais, além de possibilitar maior interação e engajamento com o consumidor.

“Acreditamos em um futuro em que todos os produtos terão identidade única e vida digital, com a habilidade de criar experiências de consumo mais ricas. Estamos comprometidos em desenvolver e expandir nosso negócio de etiquetas inteligentes para permitir essa visão em várias direções. Por meio de um sólido portfólio de soluções inteligentes de RFID, a nova unidade produtiva aumentará a velocidade e a entrega em toda a América do Sul, promovendo nossa visão de um mundo conectado”, completa Francisco Melo, vice-presidente e gerente geral de RFID da Avery Dennison.

A divisão de RFID da companhia já possui uma fábrica na América Latina, situada no México. Atualmente, a Avery Dennison emprega aproximadamente 30 mil funcionários em mais de 50 países. As vendas reportadas em 2019 foram de US$ 7,1 bilhões.