Sexta-feira, 27 de março de 2020 - 9h41
Terminal da Ponta do Félix adota preço de custo para operações de cabotagem
Estratégia também estabelece que as movimentações de itens de primeira necessidade, como medicamentos e produtos alimentícios, tenham prioridade

O Terminal Portuário da Ponta do Félix (TPPF), estrutura localizada em Antonina (PR), informa que está disponibilizando os serviços de operações portuárias de navegação de cabotagem a preço de custo. A ação foi adotada a fim de contribuir efetivamente para conter os efeitos da crise de saúde gerada pelo coronavírus em escala global.

Divulgação

A estratégia também estabelece que seja prioridade o transporte para os itens com maior demanda, como medicamentos, equipamentos hospitalares, produtos de higiene, remédios e alimentos. “O objetivo do TPPF é contribuir para o abastecimento do país e com o governo para que alimentos, equipamentos médicos, remédios e demais itens necessários cheguem o mais rápido possível aos destinos”, explica o diretor-presidente do TPPF, Gilberto Birkhan.

Segundo o executivo, neste momento a cabotagem é uma alternativa operacional customizada que pode atender a necessidade de abastecimento ou escoamento de produtos no Paraná e para o restante do país com uma redução do custo logístico considerável. “Estamos oferecendo solução, com produtividade e alto nível de serviço. O terminal segue todos os protocolos nacionais e internacionais de saúde, evitando qualquer possibilidade de contágio ou proliferação do novo coronavírus”, garante Birkhan. “Vamos colocar em prática toda nossa eficiência nas operações para fazer a diferença neste momento difícil”, finaliza.