Sexta-feira, 22 de maio de 2020 - 9h09
Riogaleão é reconhecido pela Anac por iniciativas sustentáveis
Terminal alcançou o nível Avançado de maturidade da sua gestão ambiental

A Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) reconheceu, o Riogaleão – Aeroporto Internacional Tom Jobim – como um dos aeroportos mais avançados em sustentabilidade em todo o Brasil. A chancela faz parte do projeto Aeródromos Sustentáveis desenvolvido pela agência, que te como objetivo ser um instrumento de incentivo não-regulatório que visa a disseminação de boas práticas de gestão ambiental em aeródromos e o reconhecimento de iniciativas proativas ligadas à sustentabilidade das operações aéreas.

A gerente de Sustentabilidade da concessionária que administra o aeroporto internacional do Rio de Janeiro, Milena Martorelli, diz que a conquista do reconhecimento é resultado do trabalho de diversas pessoas e frentes que atuam em conjunto por um mesmo objetivo. “Queremos minimizar o impacto de nossas atividades para o planeta e para o nosso próprio negócio, além de ter a oportunidade de estender nossos conhecimentos para quem trabalha diariamente no Riogaleão e para jovens que vivem próximos ao aeroporto e que se tornarão seres humanos mais conscientes e engajados na causa ambiental”, afirma.

O Aeroporto Internacional Tom Jobim alcançou o nível Avançado de maturidade da sua gestão ambiental de acordo com o atendimento aos critérios do projeto. O chamamento público para inscrição foi divulgado em dezembro de 2019 e 23 aeroportos brasileiros aderiram voluntariamente à iniciativa. Além do Riogaleão, apenas outros três aeroportos atingiram o nível máximo, com pontuação acima de 75% – os outros dois níveis são Intermediário (resultado maior ou igual a 50% e menor que 75%) e Inicial (resultado maior ou igual a 25% e menor que 50%).